Empresa desenvolve o primeiro gerador movido a energia solar com baterias de íon de sódio do mundo

Valdemar Medeiros
por
-
20-12-2021 11:58:06
em Energia Renovável
energia solar - gerador - baterias de íon sódio - baterias - Gerador movido a energia solar – foto: Divulgação

A Bluetti desenvolveu um gerador de energia solar inovador. O produto é o primeiro do mercado a utilizar baterias de íon de sódio, podendo aposentar as de íon de lítio

A Bluetti, fabricante norte-americana, líder mundial de instalações de energia solar, anunciou que se tornou a primeira empresa do mundo a criar e lançar um gerador que conta com baterias feitas de íon de sódio. O novo lançamento da empresa visa acabar com a predominância do domínio de íon de lítio no mercado de consumo e depender menos do mercado de lítio, que ultimamente enfrenta alguns empasses de demanda em larga escala.

Leia também

Gerador movido a energia solar com baterias de íon de sódio possui capacidade de 3 mil Wh

gerador movido a energia solar e baterias de íon sódio – Reprodução/Youtube

A novidade compõe o novo “kit” que foi apresentado pela Bluetti, que conta com o gerador movido a energia solar NA300 e as baterias B480, com os dois sendo feitos com íon de sódio substituindo o lítio.

É evidente que, por ser uma tecnologia recente, as novas baterias da empresa ainda contam com algumas limitações de capacidade. O gerador movido a energia solar NA300 conta com uma capacidade de humildes 3.000 Wh, que é bem menor que os 5.100Wh do modelo EP500 Pro, também da Bluetti. Entretanto esta tecnologia ainda está em estágios iniciais e a partir de agora a empresa norte-americana se empenhará na evolução da mesma.

Atualmente temos disponível no mercado um carregador portátil de grafeno mais rápido do mundo, que promete recarregar o celular em 7 minutos, aguenta mais de 2,5 mil ciclos de carga, ou cerca de sete anos de uso diário.

Gerador da bluetti pode suportar até dois módulos de bateria

A capacidade do gerador não deve se tornar um grande empasse para aqueles que o comprarem, pois o gerador movido a energia solar é capaz de suportar até dois módulos de baterias de íon de sódio B480 de 4.800 Wh, o que eleva a capacidade total do gerador para 12.600 Wh.

Com esse lançamento, a empresa busca não apenas inovar no setor de baterias e geradores, mas também ser menos dependente do mercado atual de lítio, que vem sofrendo diversos problemas devido à alta demanda. Realizar a troca do lítio para as baterias de íon de sódio pode gerar várias vantagens para empresa, principalmente, pelo fato dele ser até 1000 vezes mais abundante na crosta terrestre.

A Bluetti anunciou que dará mais informações sobre o novo gerador e as baterias de íon de sódio durante a Consumer Electronics Show (CES), que acontecerá nos dias de 5 a 8 de janeiro do próximo ano.

Conheça a empresa

Após 10 anos de pesquisa e trabalho no setor de armazenamento de energia, em 2019, Wondar Law e Jame Ray se encontraram na Califórnia e partiram com a visão de criar uma central elétrica portátil minimalista que faria parte da vida de muitos americanos.

Os primeiros produtos da Bluetti, EB150 e EB240, foram lançados na Amazon em julho de 2019 e tem sido bem acolhidos pelos consumidores de lá pra cá. Um ano depois, a empresa lançou seu principal modelo, o AC200 como um projeto crowdfunding e arrecadou quase 7 milhões de dólares em apenas dois meses. Ao mesmo tempo, após de sair de Los Angeles para Denver, a empresa se estabeleceu em vegas, Nevada, onde está sediada atualmente.

Sites Parceiros

Publicidade




Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.