Voltalia inicia a construção da usina de energia eólica na Bahia que poderá gerar 1,5 mil vagas de emprego

Valdemar Medeiros
por
-
16-02-2021 12:37:53
em Energia Renovável
Voltalia - Bahia - energia eólica- Usina - vagas de emprego Parque de energia eólica

Voltalia inicia obras da nova usina de energia eólica na Bahia que pode gerar muitas vagas de emprego, novos projetos devem chegar em breve

A Voltalia Energia do Brasil iniciou a construção de uma usina de energia eólica no município de Canudos na Bahia e a previsão é que sejam gerados até 50 empregos diretos na operação e 1,5 mil vagas de emprego indiretos durante a construção da usina de energia eólica, que terá capacidade instalada de 99 Megawatts (MW) com grande potencial para expansão.

Leia também

Canudos 1 – Usina de energia eólica da Voltalia na Bahia

O projeto Canudos 1 é uma usina de energia eólica de 99,4 megawatts, superior aos 90 megawatts anunciados em dezembro de 2019 . O contrato de venda de energia de longo prazo, com duração de 20 anos, foi assinado com a concessionária brasileira Cemig.

A Voltalia escolheu o modelo G132 – 3,55 MW para as 28 turbinas que equiparão a usina. A construção da subestação já foi iniciada e o próprio parque eólico deve estar totalmente inaugurado no primeiro semestre de 2022.

A nova usina na Bahia mostra a capacidade da Voltalia de replicar um modelo de negócios de sucesso que fez do cluster de 2,4 gigawatts da Serra Branca o maior cluster eólico e solar do mundo.

Esta estratégia consiste em desenvolver um grande e competitivo conjunto de projetos no mesmo local, com o objetivo de reter alguns projetos e vender outros, sendo que todos os projetos beneficiam de economias de escala. O potencial total estimado para Canudos é de 1 gigawatt.

Bahia batendo recordes e nova usina

“Os bons ventos estão sempre trazendo notícia positiva para Bahia. Atraímos um novo parque que vai gerar emprego e renda para o povo baiano. A energia eólica já é a segunda fonte de energia do Brasil e o nosso estado tem contribuído para o crescimento dessa energia no país. Segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), no dia 30 de setembro, o Nordeste bateu recorde na geração eólica e a Bahia foi responsável por 31% da energia gerada”, declarou Leão.

Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.
fwefwefwefwefwe