Estaleiro Enseada que será base da construção de dois navios porta contêineres na Bahia recebe visita do presidente da Petrocity

Kelly
por
-
14-09-2020 09:13:20
em Indústria Naval, Portos e Estaleiros
Estaleiro Enseada que será base da construção de dois navios porta contêineres na Bahia recebe visita do presidente da Petrocity Vista aérea do Estaleiro Enseada na Bahia/Imagem: Divulgação

Com capacidade para 2 mil toneladas e destinados ao transporte de cabotagem, navios porta-contêineres terão construção realizada no estaleiro Enseada, Bahia, e promete agitar o mercado naval da região

O setor de construção naval da Bahia começa a apresentar sinais de uma estratégica para a retomada econômica, após seis anos em estado de suspensão. No mês de julho, a empresa naval Petrocity Portos S.A anunciou uma parceria com o Estaleiro Enseada para a construção de dois navios porta-contêineres, com financiamento aprovado pelo Fundo Nacional de Marinha Mercante.

Veja também outras notícias

O presidente da Petrocity, José Roberto Barbosa da Silva, realizou na última sexta-feira (11) uma visita às instalações do Estaleiro Enseada na Bahia para inspecionar os trabalhos do local que será palco para construção de dois navios porta-contêineres, que serão destinados ao transporte de cabotagem, com capacidade para 2 mil toneladas.

O valor total do investimento para a construção dos dois navios de grande porte no Estaleiro Enseada na Bahia será de R$ 617 milhões, onde cada navio custará, de acordo com a Resolução 174/2020, o valor global de 73,443 milhões de dólares americanos, aproximadamente R$ 308,5 milhões.

Construção de navios promete gerar empregos na Bahia

Destinados ao transporte de cabotagem (entre portos nacionais) a partir de janeiro de 2021, a construção dos dois navios de 1.500 pés (75 TEUS) no estaleiro Enseada vai gerar 750 vagas de emprego em Maragogipe, Bahia.

Segundo o presidente da Petrocity Portos, a conclusão da construção dos navios está prevista para acontecer antes mesmo de terminarem as obras do porto em Urussuquara, em São Mateus (ES), e que vai operar a partir do próprio Estaleiro Enseada.

Esse é o primeiro contrato de grande porte do estaleiro Enseada, desde que foi atingido crise naval devido a Operação Lava Jato. Vale salientar que o Estaleiro Enseada pertencia inicialmente a um consórcio formado pela Odebrecht Engenharia Industrial, OAS e UTC Engenharia. Atualmente, a indústria é apenas da Odebrecht Engenharia, também parceira da Petrocity na construção do porto.

PRESIDENTE DA PETROCITY INSPECIONA ESTALEIRO ENSEADA ONDE TERÁ CONSTRUÇÃO DE DOIS NAVIOS PORTA CONTÊINERES

Sobre a Petrocity Portos e Estaleiros

Criada em 2013, a PetroCity Portos S/A é uma empresa fundada por um grupo de executivos com ampla experiência no setor logístico e financeiro que conta com a participação de acionistas do Brasil e exterior.

Com o objetivo de promover o desenvolvimento econômico e social do Brasil de forma sustentável através da implementação e administração de conceitos modernos de modais, a PetroCity concebeu na integralidade o projeto do Complexo Portuário de Urussuquara – o Porto da Integração, que consiste na principal ferramenta de interiorização econômica e integração regional a ser implantada no Sudeste do Brasil.

Tags:
Kelly
Engenheira de Petróleo especialista em Eficiência Energética e pós-graduada em Engenharia Civil; Possui experiência em atividades na indústria petrolífera onshore. Entre em contato para sugestões de pauta, postar vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal.
fwefwefwefwefwe