2021 poderá ser o ano do reaquecimento do mercado de aviões

Roberta Souza
por
-
26-10-2020 14:57:16
em Economia, Negócios e Política
Mercado, aviões Embraer – Mercado de aviões

Embraer se recupera do impacto que a pandemia causou ao mercado de aviões e projeta que vendas em 2021 irão aumentar

A Embraer, conglomerado transnacional brasileiro, fabricante de aviões comerciais, executivos e outros, está se reorganizando do impacto que a pandemia causou no marcado de aviões. A partir do ano de 2021, a empresa pode voltar com grandes vendas no mercado da aviação.

Veja ainda outras notícias do dia:

No terceiro trimestre deste ano, a empresa entregou um total de 28 aeronaves, sendo 7 aeronaves comerciais e as outras 21 executivas – 19 aeronaves leves e 2 aeronaves grandes. Em 30 de setembro de 2020, o total de pedidos em aberto atingiu 15,1 bilhões de dólares.

Ainda neste terceiro trimestre de 2020, a Embraer Aviação Executive atingiu o patamar de 250 jatos executivos em operação na América Latina, e entregou Phenom 100EV e Phenom 300E para dois clientes brasileiros. Também entregou o primeiro Phenom 300E com o novo interior da Bossa Nova para Joe Howley, Cofundador do Patient Airlift Services.

Neste mesmo período, a Helvetic Airways assinou um contrato de conversão de quatro de seus pedidos firmes remanescentes para o jato E195-E2. No pedido inicial, para 12 aeronaves E190-E2, com direitos de compra para outros 12 e de conversão para o E195-E2, foi anunciado em setembro de 2018. Até o momento, a Embraer entregou cinco E190-E2 para a Helvetic Airlines, e a entrega das sete aeronaves restantes (incluindo quatro E195-E2) será concluída até o final de 2021. Ainda, a Bamboo Airways do Vietnã recebeu e começou a operar dois jatos E195 de primeira geração.

Sobre a Embraer:

Revolucionando a tecnologia brasileira, a Embraer foi criada em 1969 com apoio do governo nacional. São o 3º maior fabricante de jatos comerciais do mundo e líderes absolutos sem segmento de até 130 assentos. Para atender demandas globais, estabelecerams unidades industriais, escritórios e centros de distribuição de peças e serviços nas Américas, África, Ásia e Europa.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos