Alibaba vende na internet mini caminhonete elétrica com foco em carga e autonomia de 120 km; preço do veículo elétrico surpreende

reprodução electrek.co / Alibaba vende na internet mini caminhonete elétrica com foco em carga e autonomia de 120 km; preço do veículo elétrico surpreende

Veículo elétrico barato se encontra com facilidade na China. A caminhonete vendida na Alibaba é um grande exemplo

A China deixou de ser um país que construía artefatos de baixa qualidade para investir em tecnologia e apostar em novas alternativas de faturamento. Hoje, o mundo está preocupado com o meio ambiente mais do que nunca e, por isso, carros elétricos são a nova aposta do mercado automotivo para derrubar a a emissão de carbono. A Alibaba, empresa gigante chinesa do e-commerce, está vendendo, no seu site, a sua nova caminhonete elétrica.

Como já esperado, o grande diferencial desse produto chinês é o preço. O mercado já possui carros elétricos solar, porém, a sua maior parte são vendidos por valores gigantescos, com preços elevados. A caminhonete elétrica solar chinesa é menor do que os seus concorrentes movidos a gasolina e diesel.

Porém, mesmo pequena, é muito funcional e pode ser usada em várias ocasiões. A cabine tem tudo que você encontraria em outro veículo, como rádio, ar, limpadores e etc. Entretanto, o veículo é focado para off-road ou andar nas ruas. A sua velocidade máxima é de apenas 40 km por hora. A sua tração traseira é reduzida e focada em torque, não em velocidade. O alcance da mini caminhonete é de 120 km, com uma bateria de 72 v e 7,2kWh.

Quanto custa?

A mini caminhonete elétrica do Alibaba é vendida entre U$ 5.500 para o modelo mais simples, e U$ 4,500 caso você opte por comprar 10 unidades do veículo elétrico. No Brasil, o veículo pode se tornar caro por conta da desvalorização do real em relação ao dólar, deixando a vida dos brasileiros que buscam importar algum produto ainda mais difícil. Além disso, o veículo deve chegar no Brasil com muitos impostos.

Tags:
Fábio Lucas
Jornalista brasileiro, amo esportes, notícias e política. Já contribui em diversos outros portais relacionados a esportes, economia e informações regionais.