Início Com o mega lucro, a Petrobras ultrapassa as gigantes ExxonMobil e Petrochina, se reposicionando como uma das petroleiras mais lucrativas do planeta; especialistas contestam

Com o mega lucro, a Petrobras ultrapassa as gigantes ExxonMobil e Petrochina, se reposicionando como uma das petroleiras mais lucrativas do planeta; especialistas contestam

10 de maio de 2022 às 21:43
Compartilhe
Siga-nos no Google News
fpso guanabara plataforma Petrobras
FPSO Guanabara – Fonte: Petrobras




A petroleira brasileira faturou mais de US$ 9,4 bilhões no primeiro trimestre deste ano, quase o dobro alcançado pela maior empresa do setor no planeta, a ExxonMobil, que chegou a “apenas” US$ 5,4 bilhões

Só nos três primeiros meses deste ano, a Petrobras faturou US$ 9,405 bilhões (R$ 44,6 bilhões). Esse lucro representa um salto de rentabilidade superior a 3.000% se comparado com o mesmo período do ano passado, quando a estatal teve um ganho de R$ 1,3 bilhão. Mas os números não só revelam um mega faturamento, mostra também que a petroleira brasileira elevou seu patamar, superando as maiores empresas congêneres do planeta, contradizendo o presidente José Mauro Coelho que insiste em dizer que o lucro está “no mesmo patamar” que as demais empresas pelo mundo.

Só para se ter uma ideia, a maior petroleira do mundo, a norte-americana ExxonMobil chegou “apenas” a US$ 5,480 bilhões no primeiro trimestre deste ano. Já a asiática Petrochina, que tem a maior receita global de petróleo, obteve US$ 6,161 de lucro em 2022.

Artigos recomendados

Jovem Pan News Comenta sobre este tema

Diante do exposto, é correto o presidente da Petrobras recém empossado, José Mauro Coelho, afirmar que o lucro da Petrobras este ano está no “mesmo patamar” que as demais petroleiras do mundo? Para quem não sabe ou não lembra, a declaração foi feira na última sexta-feira (6) ao rebater críticas do presidente da República, Jair Bolsonaro, que chamou os ganhos da estatal de “estupro”.

Outros presidenciáveis também criticaram o mega lucro da Petrobras. Isso porque, tem sido constante os reajustes dos preços dos combustíveis derivados do petróleo. O último aconteceu nesta terça-feira (10), quando o diesel saltou de R$ 4,51 para R$ 4,91. Já a gasolina tem contribuído com a alta da inflação, pesando no bolso do consumidor brasileiro ao preço de mais de R$ 7 o litro nos postos. Os preços de combustíveis estavam há 60 dias sem reajustes.

Petrobras diz que lucro é resultado de eficiência operacional

José Mauro Ferreira Coelho afirma que o lucro bilionário da Petrobras, superando as maiores petroleiras do planeta, não tem relação com os reajustes dos preços dos combustíveis. O mandatário da estatal afirma que 80% dos ganhos deste período foram provenientes da atividade de exploração e produção de petróleo e 20% dos demais segmentos.

Em matéria publicada na Agência Brasil, Coelho diz que “um bom resultado da Petrobras se repercute também para a sociedade como um todo. Isso gera investimentos em saúde, saneamento, transporte e uma série de outros investimentos importantes”. É o que a gente espera!

Este ano foram pagos à União em tributos mais de R$ 70 bilhões. Segundo o presidente da Petrobras, cada R$ 1 bilhão investido pela estatal gera cerca de 10 mil empregos. A última vez em que o preço do barril do petróleo no mercado internacional superou os US$ 100 foi no primeiro trimestre de 2014 (US$ 108).

Naquela época, segundo o Coelho, a Petrobras não teve resultados como os de agora. “Não é simplesmente uma questão de preço elevado de petróleo mas, sim, uma questão de uma gestão eficiente, comprometida com a busca pelo resultado, a redução de custos”, disse.

Entre o primeiro trimestre de 2014 e o primeiro trimestre de 2022, a Petrobras reduziu a dívida de US$ 160 bilhões para menos de US$ 60 bilhões (redução de 65%).

No 1º trimestre, a Petrobras vendeu vendeu 543 mil de barris por dia, gerando US$ 4,8 bilhões. Já as exportações aumentaram 23%. Esse aumento de vendas para fora e o fato de a estatal ser responsável pelo fornecimento da maior parte do petróleo refinado no país também contribuíram para o sucesso nos lucros.


Relacionados
Mais recentes