Energia solar – Janaúba, no Norte de Minas, receberá o maior parque de energia solar das Américas

Valdemar Medeiros
por
-
24-07-2020 11:45:26
em Energia Renovável
Energia solar - Parque de energia solar - energia renovável Parque de energia solar da empresa solar

Norte de Minas receberá um dos maiores parques de energia solar do mundo com previsão de entrega para o ano de 2023

Com previsão de entrega para o ano de 2023, o projeto de construção para um dos maiores parques de energia solar do Brasil terá inicio ainda este ano. Outrossim, sendo considerado desde agora um dos maiores não apenas do Brasil, mas sim do mundo – segundo informações a criação deste complexo de energia solar irá gerar mais de 600 vagas de empregos diretamente para os brasileiros. Ao final o valor investido no parque de energia solar chegará em mais de 3 Bilhões de reais.

Leia também:

Produção de energia solar do complexo poderá abastecer mais de 1,2 milhões de famílias

Inegavelmente, a energia solar sem dúvidas pode ser considerada uma das 7 melhores coisas já aproveitada pelo homem – e com a construção do complexo solar no norte de minas, especificamente em Janaúba poderá mudar pra melhor a economia nacional.

Similarmente, o contrato para o inicio das obras envolvendo o parque de energia solar gira em torno de duas empresas –  Solatio, uma desenvolvedora de projetos solares e também a Brookfield Energia Renovável. Walter Fróes que é um dos maiores consultores da empresa Solatio e presidente da CMU aprovou a parceria para o Brasil.

Palavras do Presidente da Solatio em relação ao parque de energia solar no Brasil

“É um mega parque, com uma capacidade instalada da ordem de 1200 megawatts. Isso é energia para abastecer 1,2 milhão de residências, aproximadamente. Desse modo, a construção deverá ser iniciada no segundo semestre deste ano e a energia começará a ser entregue no segundo semestre de 2022. Completando toda a potência da usina no primeiro semestre 2023”, explica.

“Ela será injetada na rede básica. Claro que uma condição que você consiga construir um parque desses é que tenha disponibilidade para injetar energia no local”, detalha.

“Por fim, eu gostaria de abordar ainda que a Solatio está fazendo investimento em geração distribuída, que é outra modalidade, em que pretendemos entregar energia com desconto da ordem de 15% para residências e também para pequenos comércios, clínicas, consultórios, etc. Esse trabalho já começou. A partir de julho começaremos a abrir nossos plantas e, dentro de 12 meses, teremos um total de 60, 70 plantas prontas coisa objetivo. Isso significaria um investimento de mais R$ 1 bilhão em Minas”, finaliza.

Tags:
Valdemar Medeiros
Formado em Segurança do trabalho, especialista em marketing de conteúdo em conjunto de ações de SEO e Universitário de Publicidade e Propaganda.