Empresa abre pré-venda de carro elétrico voador que promete revolucionar o transporte no futuro e valor assusta

Fábio Lucas
por
-
21-04-2021 15:07:52
em Economia, Negócios e Política
carro voador carro voador




Empresa israelense/americana já abriu a venda de protótipos do carro elétrico voador que pode revolucionar o mercado de transporte

Uma empresa israelense/americana ASKA, chamada NFT Inc, está abrindo a possibilidade de pré-encomenda do veículo elétrico dobrável, que pode decolar e pousar verticalmente. O carro elétrico voador dá a possibilidade de fazer uma viagem longa pela estrada ou, se preferir se arriscar um pouco, no céu. O projeto promete revolucionar o mercado de transporte no futuro.

O carro elétrico voador foi projetado, inicialmente, em 2019, sendo focado mais em uma aeronave. Todavia, o tempo passou e o projeto agora está mais parecido com um VTOL (Aeronave com capacidade de decolar e pousar verticalmente). Hoje, ele tem uma cabine com 4 lugares, bem parecido com um helicóptero, e uma calda em V.

Foto: NFT Inc.

Autonomia do veículo elétrico voador no ar

O carro elétrico voador pode dobrar as suas asas, deixando-as estreitas o suficientes para andar nas ruas, no meio dos carros comuns. As asas se desdobram normalmente, podendo decolar e pousar verticalmente. A empresa diz que o ASKA tem a capacidade de voar até 400 km, chegando a uma velocidade de 240 km/hora. Além disso, o veículo elétrico terá a possibilidade de ter um extensor de capacidade à hidrogênio, aumentando em 150 km a sua autonomia.

NFT Inc.

O ASKA terá uma capacidade de andar a uma velocidade de 112 km/hora na pista. Certamente, quem estiver dirigindo um carro elétrico como esse na rua irá chamar muita atenção e será muito fotografado.

A pré-venda mostra que ter um desses nas suas mãos não será nada barato. A ASKA destacou que a o preço inicial do produto é $ 789,000 dólares, quase R$ 4,5 milhões, na cotação atual. O primeiro protótipo da empresa deve ser lançado somente no final do ano que vem. Depois disso, serão mais três anos trabalhando nos detalhes finais, como licenciamento e etc. A expectativa é que seja lançado somente em 2026.

Tags:
Fábio Lucas
Jornalista brasileiro, amo esportes, notícias e política. Já contribui em diversos outros portais relacionados a esportes, economia e informações regionais.