Início Complexo do Pecém busca oportunidades de negócio do terminal, com investidores na Europa, para novas oportunidades de negócios nas áreas de construção naval, manutenção e reparação, propulsão, dragagem, navegação, eletrônica e serviços

Complexo do Pecém busca oportunidades de negócio do terminal, com investidores na Europa, para novas oportunidades de negócios nas áreas de construção naval, manutenção e reparação, propulsão, dragagem, navegação, eletrônica e serviços

2 de novembro de 2021 às 13:03
Compartilhe
Siga-nos no Google News
ceará - pecém - porto - siemens - mtisui - Total
Complexo portuário do Pecém – Ceará atrai investimentos bilionário das gigantes internacionais Siemesn, Total e Mitsui

Ceará na mira das gigantes internacionais Siemens, Mitsui e Total. As multinacionais descobriram o potencial de geração de energias renováveis, no estado.

O secretário de desenvolvimento econômico do Ceará, informou recentemente que o Complexo do Pecém está buscando oportunidades de negócio do terminal com investidores na Europa. Os esforços estão acontecendo durante a 40ª edição da Europort, feira referência no setor portuário, que promete render para o estado, bons frutos e novas oportunidades de negócios nas áreas de construção naval, manutenção e reparação, propulsão, dragagem, navegação, eletrônica e serviços.

Leia também

O Complexo Portuário do Pecém participa pela primeira vez do evento, onde serão apresentados os detalhes do terminal e as possibilidades da Área Industrial e da Zona de Processamento de Exportação (ZPE) do Ceará.

40ª edição da Europort promove os temas de digitação, transição de energia, próxima

Os focos do evento envolvem os temas de digitação, transição de energia, próxima geração e financiamento na indústria marítima.

Duna Uribe, diretora comercial do Complexo do Pecém, não mede esforços para promover o Terminal Portuárial e atrair investimentos para o estado do Ceará. A executiva destacou o potencial de negócios no estado a partir dos últimos investimentos e da parceria com o Porto de Roterdã, na Holanda.

“Nós estamos muito entusiasmados em estar participando, com estande, dessa feira que reúne grandes players da indústria marítima. Vivemos um momento especial depois de muitas limitações presenciais. Então, a expectativa é muito grande em colocarmos o Pecém como um ponto estratégico para aqueles que queiram fazer negócios no Brasil, fazer negócios num complexo industrial e portuário que desperta a atenção pela parceria com o Porto de Roterdã. Por isso, vamos apresentar com detalhes essa parceria para os investidores europeus. Além de mostrarmos que o Pecém é a casa do Hidrogênio verde no Brasil”, disse Duna.

Ceará na mira das gigantes internacionais Siemens, Mitsui e Total

Não para por ai, o ambiente de negócios no Ceará também está sendo promovido durante o Brazil Network Day (BND), uma iniciativa de promoção de comércio e investimentos organizada pela Embaixada do Brasil em Haia.

“Estamos ansiosos para participar do Brazil Network Day, um evento muito tradicional que vai nos dar a oportunidade de apresentar as diversas possibilidades de negócios que o Ceará, inclusive o Complexo do Pecém oferecem. Esperamos obter bons resultados desse encontro, pois teremos um público qualificado de potenciais investidores para o Estado”, disse Maia Júnior, secretário de desenvolvimento econômico e trabalho do Ceará.

E a British Petroleum, a Petrobras do Reino Unido, já manifestou interesse em implantar projeto de óleo & gás e de Hidrogênio no Pecém. Maia Júnior terá reunião 4ª feira com a Shell em Roterdam.

As grandes empresas multinacionais descobriram, mesmo, o Ceará e o seu potencial de geração de energias renováveis, a capacidade comprovada de sua academia para a formação e qualificação de profissionais para os novos ramos da ciência, a criatividade de seus empresários, a sua estratégica localização geográfica e o comprometimento do seu governo com o desenvolvimento sustentável.

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
YouTube YouTube
Instagram Instagram
Telegram Telegram
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes