Petroquímica Braskem fatura contratos bilionários com a Petrobras

Flavia Marinho
por
-
23-12-2020 09:19:55
em Petróleo, Óleo e Gás
petrobras - nafta - braskem petrobras – nafta – braskem

Segundo a Petrobras a náfta irá atender a unidade de São Paulo e o etano e propano serão destinados a unidade industrial do estado do Rio de Janeiro

A Petrobras anunciou ontem à noite em fato relevante a celebração de novos contratos bilionários de longo prazo estimados em R$16,5 bi com a Braskem, para fornecimento de nafta e de etano e propano. Boas notícias para a construção naval, WilsonSons construirá uma série de seis rebocadores no estaleiro da companhia, em São Paulo!

Leia Também

Segundo o comunicado da Petrobras a náfta irá atender a unidade industrial do estado de São Paulo, já o fornecimento de etano e propano serão destinados a unidade industrial do estado do Rio de Janeiro.

Estimado de R$ 19 bilhões, o contrato bilionário de nafta, entrará em vigor na presente data (23/12), após o encerramento do contrato atual, e vigorará até 31 de dezembro de 2025. A quantidade é de até 2 milhões de toneladas por ano.

De acordo com a Petrobras, o contrato de etano e propano, no valor estimado de R$ 7,6 bilhões, entrará em vigor em 1º de janeiro de do ano que vem, após o encerramento do contrato atual, e vigorará também por cinco anos.

As quantidades contratuais de etano e propano, somadas, são equivalentes à produção, pela Braskem, de 580 mil toneladas por ano de eteno.

“Os preços dos contratos são baseados nas referências internacionais”, diz Petrobras.

Petrobras descobre petróleo de alta qualidade e reforça o potencial do pré-sal no campo de Búzios

A petroleira brasileira Petrobras anunciou na tarde deste dia (22/12) em fato relevante, que confirmou a presença de petróleo de ótima qualidade com a perfuração do poço 9-BUZ-48D-RJS, localizado no extremo noroeste do campo de Búzios, na Bacia de Santos. 

De acordo com o informe, o poço está localizado a 188 km da cidade do Rio de Janeiro e foi perfurado em profundidade d’água de 1.850 metros. Testes realizados a partir de 5.540 metros de profundidade confirmaram a presença de reservatórios de petróleo de ótima qualidade.

Tags:
Flavia Marinho
Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e Automação. Experiente na indústria de construção naval onshore e offshore. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal.
fwefwefwefwefwe