Petrobras planeja instalar fábrica de lubrificantes no Comperj, afirma Roberto Castello Branco

Petrobras Comperj Itaboraí Reduc

O presidente da Petrobras, afirmou o interesse de instalar uma fábrica de lubrificantes no Comperj para operar a partir de uma conexão com a Reduc

Ótimas notícias para Itaborái! Roberto Castello Branco, presidente da Petrobras afirmou nesta manhã de quarta-feira, 4 de dezembro, ter interesse em implantar no Comperj uma unidade de lubrificantes para operar a partir de uma conexão com a Reduc, refinaria em Duque de Caxias.  Terceirizada offshore anuncia às 8h30 de hoje, muitas vagas de emprego para Macaé

Castello Branco: ” Temos dois planos. Anunciamos parceria com a Equinor para construção de plantas termelétricas na área do Comperj. Outro plano é a utilização de equipamentos do Comperj para produzir lubrificantes de última geração pela Reduc, RJ.”

No lugar de instalar novos equipamentos na Reduc, a ideia é ter um duto da Reduc até o Comperj. É um projeto só da Petrobras e não tem investimento estimado ainda, é uma ideia. conclui Castello Branco

A Reduc, com a venda das demais refinarias, vai passar por uma modernização. Nas refinarias, vamos investir US$ 6 bilhões em quatro anos.

De acordo com o presidente da estatal, a Petrobras quer investir US$ 6 bilhões, ao longo de quatro anos, na modernização do parque de refino. Se a venda das oito unidades for bem-sucedida, a capacidade ficará concentrada em Rio de Janeiro e São Paulo.

O anúncio ocorreu por Roberto Castello Branco, presidente da Petrobras, em entrevista ao Valor.

Toyo Setal venceu licitação para obras no Comperj

Uma licitação no Comperj que já durava um ano, finalmente chegou ao fim com a vitória da Toyo Setal. As obras serão de conclusão da construção das utilidades do empreendimento.

As obras do Comperj, em Itaboraí, que estavam paradas desde 2015 e já tem a UPGN sendo construída pela Kerui Metodo, agora terão mais uma importante parte sendo retomada.

Flavia Marinho

About Flavia Marinho

Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e experiente na indústria de construção naval. OBS: Não contratamos, então não envie currículos! Informações sobre empregabilidade apenas no site.