Petrobras inicia venda de sua participação em Blocos Exploratórios na Bacia do Maranhão

Paulo Nogueira
por
-
03-02-2020 22:27:18
em Petróleo, Óleo e Gás
Petrobras Sinopec Maranhão

A Sinopec Brazil é parceria da Petrobras em um destes blocos na Bacia do Maranhão e pode exercer direito de preferência sobre ele

Em nota à imprensa nesta noite de segunda-feira(03), a Petrobras divulga que deu o ponta pé inicial para se desfazer dos blocos exploratórios que participa na Bacia do Maranhão,  nomeados de BM-PAMA-3 e BM-PAMA-8.

Hoje em dia, a Petrobras é quem opera estes blocos, com participação de 100% no BM-PAMA-3 e 80%  BM-PAMA-8 destas concessões, esta última a Sinopec Brazil detém os restantes dos 20%.

No Bloco BM-PAMA-3, a Petrobras venderá a metade da participação ou 50%.

Já no BM-PAMA-8 , o desinvestimento será de 40%.  A Sinopec têm direito de preferência sobre este bloco, se assim ela desejar.

Para que deseja ter mais informações sobre este teaser, dados e critérios técnicos para que empresas possam participar, a documentação completa é possível encontrar aqui: https://investidorpetrobras.com.br/pt/resultados-e-comunicados/teasers

As principais etapas subsequentes do projeto serão informadas oportunamente ao mercado.

Sobre estes blocos exploratórios da Petrobras

A concessão BM-PAMA-3 é proveniente da 3ª Rodada de Licitações da ANP e atualmente está na fase de Avaliação de Descoberta, em função da descoberta realizada no poço 1-BRSA-903-PAS (Harpia)

A concessão BM-PAMA-8, que compreende os blocos PAMA-M-192 e PAMA-M-194, foi adquirida na 6ª Rodada de Licitações da ANP. Atualmente, pertence ao consórcio formado pela Petrobras (operadora – 80%) e a Sinopec (20%) e se encontra no 2º Período Exploratório.

As concessões apresentam um reduzido compromisso exploratório com o potencial de comprovar significativos volumes e firmar posição em uma nova fronteira exploratória.

Publicidade




Tags:
Paulo Nogueira
Com formação técnica, atuei no mercado de óleo e gás offshore por alguns anos. Hoje, eu e minha equipe nos dedicamos a levar informações do setor de energia brasileiro e do mundo, sempre com fontes de credibilidade e atualizadas.