O maior produtor de biodiesel do Brasil, o ECB vai vender 1 bilhão de litros de biocombustíveis para a britânica BP

Flavia Marinho
por
-
15-01-2021 13:28:15
em Usina e Agronegócio
biodiesel - usina - biocombustíveis

ECB que tualmente é o maior produtor de biodiesel do Brasil se posicionará como o maior produtor de biocombustíveis avançados do hemisfério sul

Ontem (14/01) foi anunciado pelo ECB Group, maior produtor de biodiesel do Brasil, a assinatura de um contrato com a britânica BP para vender mais de um bilhão de litros de biocombustíveis avançados. Venda de gás de cozinha cresce no Brasil e pode custar até R$ 200 ao bolso do consumidor ainda em 2021

ANÚNCIO

Leia também

No comunicado, ECB informa que os biocombustíveis serão produzidos a partir de 2024 em uma biorrefinaria a ser construída no Paraguai.

Com o acordo, o grupo que tualmente é o maior produtor de biodiesel do Brasil com capacidade anual de 828 milhões de litros, se posicionará como o maior produtor de biocombustíveis avançados do hemisfério sul e o principal fornecedor de biocombustíveis avançados para a BP neste continente.

“Este contrato representa um passo importante para a redução das emissões de gases de efeito estufa, que começa com a produção no Paraguai e deve se estender internacionalmente”, disse o grupo em nota.

A biorrefinaria a ser construída no Paraguai, chamada de Omega Green, recebeu mais de US$ 800 milhões em investimentos, a estimativa é que quando pronta, possa produzir 20 mil barris por dia de diesel verde (HVO).

Além do Óleo Vegetal Hidrotratado HVO, também conhecido como Diesel Renovável, serão produzidos na usina o Querosene Parafínico Sintético (SPK), também conhecido como Sustainable Aviation Fuel ou Biojet, e Green Naphtha, usado na indústria química para fazer plástico verde, entre outros produtos.

O acordo é parte da estratégia da empresa britânica para oferecer combustível de baixo carbono aos clientes nos setores de transporte rodoviário e aviação e neutralizar 415 milhões de toneladas equivalentes de CO2 (tCO2e), relativas às operações da companhia e  à produção de petróleo e gás da BP.

Prio – Uma das maiores produtoras de biocombustíveis anunciou o lançamento de um combustível verde para navios com 15% de incorporação de biodiesel

O novo produto da PRIO contém 15% de biodiesel feito de resíduos de processos de reciclagem de matéria-prima, produzidos em sua fábrica de Aveiro, segundo a empresa os biocombustíveis estarão disponível em todos os portos portugueses e em breve nos portos brasileiros.

A Prio vai lançar o Eco Bunkers, um combustível verde para navios com 15% de incorporação de biodiesel, desenvolvido a partir de processos de reciclagem de matérias-primas residuais, produzido na fábrica de biodiesel da Prio, em Aveiro.


⇒ Participe dos nossos grupos do Telegram e fique atento a todas as notícias do mercado de energia, empregos, projetos e outros assuntos microeconômicos do Brasil. Nossas informações sempre são direto das fontes e atualizadas. Acesse o Nosso Telegram aqui.

Tags:
Flavia Marinho
Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e Automação. Experiente na indústria de construção naval onshore e offshore. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal.