Denúncia | Operários do Comperj com tosse e febre, sem máscaras e no mesmo ambiente temem o coronavírus


Comperj RJ Coronavírus

Os operários que estão trabalhando dentro do Comperj denunciam  descaso com a saúde interna por parte da empresa. Há funcionários sintomáticos e o medo do coronavírus paira  sobre eles

Não apenas no Comperj, mas todo cadeia produtiva e micro-econômica do Brasil sofre em consequência da pandemia do coronavírus. Em particular ao empreendimento, alguns de nossos seguidores que trabalham relatam o Click Petróleo e Gás medo e preocupação.

Leia também

No Rio de Janeiro, um decreto oficial do Governo do Estado lançado oficialmente ontem (18), proíbe a circulação de ônibus intermunicipais regulares, de linha, vans e afretamentos devem restritas a suas cidades, isso inclui Itaboraí, cidade do RJ onde o Comperj está localizado.

O problema em questão segundo denuncias, é que para os funcionários do complexo isso não existe, ela ainda continuam recebendo trabalhadores de todo canto do RJ. Há pessoas com febre e tosse nas obras, dentro dos ônibus e alguns setores administrativos.

Há também o problema de distribuição de mascarás, apenas os administrativos de cada setor receberão, os operários não. Dentro das conduções todos estão respirando o mesmo ar sem qualquer proteção.

Aferimento de Febre começou a ser feito na entrada do Comperj

Na quarta feira que começaram a rastreamento na catraca de entrada do do empreendimento e a verificação dos funcionários para saber se estão com febre através da pistola digital. Logo abaixo, vamos deixar o relato mais detalhado recebido pelo nosso Whatsapp.

“Bom Click Petróleo e Gás. Cara tá desumano a situação nem tudo é dinheiro. O governo está mandando para tudo até mesmo cubículos com poucas pessoas, imagine uma obra dessas com tanta gente? 

Saiu ela lei de redução em veículos para que tivesse a redução de passageiros mas para o Comperj isso não existe. Há várias pessoas com sintomas de febre diarreia e continuaram a trabalhar.

Na quarta feira que começaram a rastreamento na catraca de entrada do site a verificação dos funcionários para saber se está com febre através da pistola digital, mas ainda é muito pouco!

Tem muita gente gripada, e com muita tosse. Máscaras descartáveis contra a doença são privadas para certos setores, principalmente os os adms,  o colaborador jogados as traças.

Nem mesmo no nosso ônibus que trazem os funcionários de toda a região do Rio. Muito pouco praticamente ninguém está usando as máscaras pois não foram distribuída para nós”

TENHA UM CV ESPECÍFICO PARA O SETOR DE ÓLEO E GÁS

Você gostaria de ter um currículo desenvolvido especialmente para uma vaga no meio marítimo, em plataforma, offshore ou cabotagem? Adquira seu currículo offshore formatado e específico aqui📄

Paulo Nogueira

Sobre Paulo Nogueira

Com formação técnica, atuei no mercado de óleo e gás offshore por alguns anos. Hoje, eu e minha equipe nos dedicamos a levar informações do setor de energia brasileiro e do mundo, sempre com fontes de credibilidade e atualizadas.