Clássico inglês Mini Cooper ganha conversão e se torna um carro elétrico usando novo sistema da Nissan

Valdemar Medeiros
por
-
28-06-2021 17:06:35
em Logística e Transporte
Mini cooper - carro elétrico - Nissan Mini cooper elétrico – créditos : Insideevs

Já imaginou dirigir um Mini Cooper elétrico? Esses e outros clássicos estão sendo convertidos em carros elétricos por uma empresa do Reino Unido.

O Mini Cooper se transforma em carro elétrico com a ajuda do sistema do Nissan Leaf, com uma bateria de 20 kWh. O Mini Cooper original é um dos clássicos que nunca saem de moda, mas tendo em vista que carros antigos movidos a gasolina não poderão mais circular nas ruas da Europa, existe uma maneira de continuar dirigindo com o Mini Cooper.

Leia também

A conversão em carro elétrico do Mini Cooper

Primeiro Mini 100% elétrico é apresentado com autonomia de 270 km

A empresa London Eletric Cars, do Reino Unido, está fazendo a conversão do carro utilizando componentes do Nissan Leaf para tornar o carro a combustão em elétrico.

A capacidade da bateria é de aproximadamente 20 kWh (para um modelo padrão), dando ao Mini Cooper uma autonomia de aproximadamente 110 km com uma única carga. 20 kWh parece não ser muito, mas a empresa teve que colocar as baterias sob o capô e também no porta-malas.

A London Eletric Cars não especifica o motor do carro elétrico, mas caso seja o de um Nissan Leaf, ele poderá produzir cerca de 110 cavalos de potência e 28,5 kgfm, mas há uma possibilidade de ter sofrido ajustes para entregar uma potência menor devido ao tamanho do Mini Cooper.

Mini Cooper se torna uma opção acessível e útil para todos

De acordo com o fundador da London Eletric Cars, Matthew Quitter, como um entusiasta de carros clássicos e defensor de conversão em carro elétrico, fazia sentido para a empresa focar no Mini original.

Com esta versão elétrica usando o sistema da Nissan, a companhia desejava que o carro elétrico fosse uma opção útil e acessível não só para os moradores de Londres e sim de todo o mundo, visando reduzir a poluição e gerar sustentabilidade.

Conversão para todos

A empresa afirma que qualquer veículo pode se tornar um carro elétrico, porém algumas conversões são mais difíceis do que a feita com o Mini Cooper com o sistema da Nissan, pois são mais difíceis de integrar ou exigem motores e baterias maiores, criando um custo maior e desanimando o cliente que está interessado em questões financeiras.

Tendo em vista esses fatores, o foco da empresa é em carros clássicos cuja conversão pode ser feita de forma mais simples. Atualmente, a empresa é especializada em Minis clássicos, Land Rover Series Defenders, Travellers, Morris Minors e vans.

O valor da conversão em carro elétrico depende de diversos fatores, mas em média a empresa faz conversões de £ 22.000 por 20 kWhe também £ 26.000 para 25 kWh e 33 kWh por £ 33.000. As conversões duram aproximadamente 3 meses, mas projetos personalizados e mais complexos podem durar cerca de 6 meses ou mais para serem concluídos.

Tags:
Valdemar Medeiros
Formado em Segurança do trabalho, especialista em marketing de conteúdo em conjunto de ações de SEO e Universitário de Publicidade e Propaganda.