Celulares com mais tempo de carga: Cientistas coreanos desenvolvem nova bateria elástica de íon de lítio

Paulo Nogueira
por
-
07-05-2020 11:06:04
em Economia, Negócios e Política
Coreanos Bateria Celulares Lítio Ion

A bateria mostrou alta capacidade de 5,05 mAh / cm2, desempenho eletroquímico superior até 50% do que as baterias convencionais de celulares

Pesquisadores do Instituto de Ciência e Tecnologia da Coréia desenvolveram uma bateria de íons de lítio de alta capacidade que tem estrutura suficiente flexível para aguentar mais tempo de consumo, principalmente em aparelhos celulares.

Bateria Coreanos Celulares

Diagrama esquemático do processo de fabricação da bateria extensível. (Imagem cortesia do Instituto de Ciência e Tecnologia da Coréia).

Em um artigo publicado na revista ACS Nano, os cientistas disseram que foram capazes de fazer a estrutura composta em forma de favo de mel se projetar interiormente usando um processo de compressão radial. Esse processo se assemelha à rolagem de rolos de arroz coreanos, ou gimbap, e resultou na criação de propriedades elásticas.

O eletrodo estruturalmente extensível consiste exclusivamente de materiais dos eletrodos e foi montado com um eletrólito de gel extensível e uma embalagem extensível. Esses elementos bloqueiam o ar e a umidade e evitam que os eletrólitos vazem.

De acordo com os proponentes, a bateria elástica resultante mostrou alta capacidade de 5,05 mAh / cm2, desempenho eletroquímico superior até 50% de tensão sob repetidos (até 500) ciclos de liberação de estiramento e estabilidade a longo prazo de 95,7% após 100 ciclos em Condições de ar.

“Espera-se que a bateria elástica de íon de lítio desenvolvida através desta pesquisa apresente um novo paradigma em termos de sistemas de armazenamento de energia elástica para o desenvolvimento adicional de dispositivos eletrônicos como celulares e outros gadets “, disse Jeong Gon Son em comunicado à imprensa.

Na visão do pesquisador, o mercado em rápido crescimento de dispositivos vestíveis de alto desempenho aumentou a necessidade de mecanismos de armazenamento de energia serem projetados em formas flexíveis e extensíveis.

Tags:
Paulo Nogueira
Com formação técnica, atuei no mercado de óleo e gás offshore por alguns anos. Hoje, eu e minha equipe nos dedicamos a levar informações do setor de energia brasileiro e do mundo, sempre com fontes de credibilidade e atualizadas.
fwefwefwefwefwe