BW Offshore ganha da Petrobras mais um ano de contrato

BW CIDADE DE SAO VICENTE Petrobras extensão contrato

A operadora de FPSO BW Offshore assinou um contrato com a Petrobras para uma extensão de um ano para o arrendamento e operação da BW Cidade de São Vicente.

A Petrobras e a BW Offshore ampliaram o contrato a partir do segundo trimestre de 2019 para o segundo trimestre de 2020, disse o proprietário do navio na terça-feira. O BW Cidade de São Vicente foi convertido pela Keppel em 2009. A capacidade de produção de petróleo do FPSO é de 30.000 bbl / de capacidade de armazenamento é de 470.000 bbl.

Itapu: O edital de licitação para a contratação do FPSO para produção definitiva em Itapu, na área da cessão onerosa no Pré-Sal da Bacia de Santos, onde o FPSO BW Cidade de São Vicente produz em regime de Teste de Longa Duração (TLD), foi anunciado em 2018, para iniciar produção em 2020.

A BW Offshore entra na Bacia de Campos e pode comprar 100% de Maromba. Atualmente as empresas que operam neste ativos são Petrobras (70%) e a Chevron (30%) .

O campo de Maromba está localizado na costa brasileira, na Bacia de Campos, a 160 metros de lâmina d’água.

Sobre Paulo Nogueira

Formado em Eletrotécnica e entusiasta do setor de tecnologia, já atuei em empresas do ramo de energia, óleo e gás em operações de completação, perfuração e produção em empresas em parceria com grandes empresas multinacionais do setor.