Vestas cria operação focada na América Latina para novos investimentos em energia renovável

Valdemar Medeiros
por
-
02-06-2021 13:18:38
em Energia Renovável
Vestas - energia renovável -América Latina - investimentos Avaliação de turbina eólica da Vestas – Créditos – rechargenews

Após atingir 5 GW em seu modelo de turbina de energia eólica, a Vestas cria uma nova operação voltada para a América Latina onde o Brasil terá um papel de grande destaque nos novos investimentos em energia renovável.

Devido às mudanças na organização interna da Vestas, foi criada uma operação voltada para a região da América Latina. A nova operação deve começar a partir do dia 1° de janeiro de 2022, com o comando do executivo Eduardo Ricotta e promete novos investimentos para o mercado de energia renovável brasileiro, principalmente a indústria eólica offshore.

Leia outras notícias

Nova operação da Vestas na América Latina atrai investimentos

A América Latina, antes do anúncio, era considerada uma sub-região de negócios da Vestas, mas, com a nova configuração de investimentos na energia renovável da empresa, a região passa a ser uma unidade única e consolidada a partir do próximo ano. Mesmo atuando em 34 países latino-americanos, nessa nova operação de investimentos da Vestas, o Brasil terá um papel de grande destaque, tendo em vista que o país é um dos principais mercados da empresa no setor de energia renovável.

Em maio, a Vestas recebeu pedidos de 5 GW para sua turbina eólica V150-4,2 MW. O modelo começou a ser fabricado pela empresa em 2019, em Aquiraz (CE), e até agora, 2 GW já estão em produção. Com a nova operação de investimentos, Eduardo Ricotta e outros presidentes regionais perceberam o potencial e anunciaram que irão se encontrar com o presidente e CEO do Grupo Vestas, Henrik Andersen.

De acordo com Ricotta, esse anúncio confirma a importância da América Latina para a Vestas e torna mais real o seu compromisso com o desenvolvimento no setor de energia renovável. Ele afirma que a empresa tem provado a força de seu mercado regional a cada ano, e está empenhada em continuar dando apoios aos seus clientes em estratégias para atender a demanda de soluções que utilizam de energia renovável.

Participações que levaram ao sucesso da turbina eólica da Vestas

No começo do mês de maio, a Vestas fechou parceria com a Omega Energia para o fornecimento de 47 turbinas do modelo, que serão utilizadas no projeto da Bahia. Na época, Ricotta afirmou que a Omega é uma das líderes no setor de energia renovável no mercado brasileiro.

Ele afirmou, também, que através de investimentos como esse, que a Vestas alcançou os 5 GW vendidos. Isso demonstra que a turbina de tem uma grande adequação com as condições climáticas brasileiras.

Sobre a Vestas

Como uma empresa dinamarquesa que está desde 1945 no mercado, a Vestas carrega o título de maior companhia mundial na produção de energia eólica. Além disso, a empresa conta com escritórios espalhados em 24 países e já instalou suas turbinas de energia eólica em mais de 74 países.

Apesar de ter sido criada em 1945, a Vestas começou a fabricar aerogeadores apenas em 1979. Anteriormente, a empresa trabalhou com aplicações para uso doméstico, fabricação de equipamentos agrícolas, intercoolers e guindastes hidráulicos respectivamente.

Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.
fwefwefwefwefwe