Início Prefeitura de Maringá vai construir usinas solares e economizar mais de R$ 2 milhões por mês na conta de luz

Prefeitura de Maringá vai construir usinas solares e economizar mais de R$ 2 milhões por mês na conta de luz

7 de julho de 2022 às 11:33
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Prefeitura de Maringá vai construir usinas solares e economizar mais de R$ 2 milhões por mês na conta de luz
Painéis solares – imagem: Prefeitura de Maringá

A Prefeitura de Maringá (PR) está investindo R$ 80 milhões para a construção de duas usinas solares que ajudarão na redução da conta de luz. Serão mais de R$ 2 milhões reduzidos em apenas um mês.

A Prefeitura de Maringá, no norte do estado do Paraná, anunciou na terça-feira (5) que realizará a construção de duas usinas solares para garantir o funcionamento de prédios públicos com o intuito de economizar na conta de luz. O investimento previsto pela Prefeitura de Maringá (PR) para a construção das usinas solares é de até R$ 80 milhões. O município publicou em Diário Oficial, o intuito de contratar uma empresa para a realização das obras.

Recursos para as usinas solares virão do BRDE

Grande parte dos recursos virá do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). A expectativa é que às duas usinas solares estejam em funcionamento até o fim do próximo ano. De acordo com a prefeitura de Maringá (PR), quando as usinas estiverem totalmente prontas, a cidade deve economizar cerca de R$ 2 milhões por mês na conta de luz.

Artigos recomendados

Além disso, a gestão do município afirma que revitalizará a iluminação pública com a instalação de lâmpadas de LED. O Instituto Água e Terra (IAT) e a Copel estão analisando um pedido da prefeitura para o desenvolvimento de uma das usinas solares, que deve ser construída no Parque Industrial Felizardo Meneguetti.

A estimativa é que em menos de três anos e meio, o investimento da Prefeitura de Maringá (PR) seja pago. Entidades afirmam que os recursos utilizados podem ser voltados para outros serviços em prol da comunidade. O órgão destacou ainda que as usinas solares, juntas, terão uma potência instalada de 5 MW, com 11,3 mil painéis em cada.

Primeira usina solar terá quase 110 mil m² e mais de 10 mil painéis solares

A prefeitura de Maringá (PR), por meio da parceria com o Projeto Felicity, ganhou o projeto técnico para a construção do primeiro empreendimento, que contará com quase 110 mil m², no Parque Industrial Felizardo Meneguetti.

O segundo, que está em fase de projeção deve ser instalado na região do distrito de Iguatemi. A expectativa é que a primeira unidade comece a ser construída no fim deste ano e que em 2023 os dois projetos estejam funcionando e gerando economia na conta de luz.

No mês de maio, foi assinado um acordo com o BRDE, que prevê uma verba de R$ 30 milhões para iniciativas sustentáveis, incluindo esta. Segundo o secretário do Governo, Hércules Kotsifas, com a parceria, a cidade está largando na frente em busca de soluções inovadoras e sustentáveis, pronta para os desafios que possam vir.

Projetos semelhantes

O projeto das usinas solares da prefeitura de Maringá (PR) é parecido com o de outros órgãos públicos, como o do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), que conta com uma usina solar em Paranavaí, no noroeste do Paraná.

O Tribunal de Justiça do Paraná também possui um projeto para a instalação de uma usina de energia solar que ficará em Campo Mourão. Tanto no caso do TJ quanto no caso do TR, o objetivo é reduzir a conta de luz e economizar recursos que retornam no pagamento de tarifas de energia elétrica de prédios dos tribunais. 

Já em Ponta Grossa, a prefeitura possui uma usina de Biogás, que gera energia através de materiais orgânicos recolhidos na coleta de lixo. Por lá, a gestão municipal calcula uma economia de R$ 250 mil na conta de energia com o uso da própria usina.

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
YouTube YouTube
Instagram Instagram
Telegram Telegram
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes