PetroRio mira Manati, na Bacia de Camamu, onde 35% da participação está à venda pela Petrobras

Roberta Souza
por
-
13-05-2020 08:53:20
em Petróleo, Óleo e Gás, Uncategorized
petrorio, rio de janeiro, emprego Foto: reprodução

PetroRio está de olho na participação à venda pela Petrobras no Campo de Manati

De acordo com Roberto Monteiro, CEO da PetroRio, durante webinar realizado antes de ontem (11) pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), a PetroRio está de olho na participação à venda da Petrobras no campo de Manati, concessão de águas rasas na Bacia de Camamu cujo teaser foi publicado pela Petrobras na semana passada.

Veja ainda outras notícias:

A PetroRio possui 10% de participação no ativo, no qual conhece bem. De acordo com Monteiro, “A gente conhece bem o campo, por isso estamos olhando o ativo. Existe a possibilidade de projetos diferentes no campo, mais do que efetivamente a produção de gás. Eu acho que esse processo vai andar, até porque é uma questão mais de midstream do que a própria venda do gás”.

No webinar, também estava presente o presidente da Enauta, Lincoln Guardado. A empresa também faz parte do consórcio, com 45% do campo. Porém, de acordo com Lincoln, a empresa não possui interesse nos 35% colocados à venda pela Petrobras.

“Estamos buscando diversificar os nossos projetos e não investir em ativos de curto prazo, para que tenhamos um bom fluxo de caixa. Manati deve ter uns cinco anos de operação ainda. Porém, estamos atentos a novos comunicados de desinvestimentos da Petrobras”, comentou.

O campo de Manati ainda conta com a Geopark, com os 10% restantes. Localizado a 10 km da costa do município de Cairú, na Bahia, Manati possui lâmina d’água entre 35m e 50m.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos
fwefwefwefwefwe