Para explorar possíveis alternativas aos carros elétricos, China testa motor a combustão que queima hidrogênio

Valdemar Medeiros
por
-
26-10-2021 13:14:08
em Automotivo, Veículos a Hidrogênio
Motor a combustão - Hidrogênio - carros elétricos - China - Modelo ilustrativo de motor a combustão capaz de queimar hidrogênio – crédito: Insideevs/Reprodução

A China, que já conta com um dos maiores mercados de carros elétricos, agora busca por uma nova forma de energia. A GAC Motor está testando um motor a combustão, capaz de queimar hidrogênio com uma eficiência de 44%

Após ter um enorme mercado de carros elétricos, a China agora está se rendendo ao hidrogênio. A GAC Motor finalizou com sucesso os testes de um motor a combustão, que é movido por hidrogênio. Ainda não se sabe se o motor será produzido em larga escala, ou se é apenas um estudo para encontrar possíveis alternativas para os carros elétricos. O que se sabe até o momento é que o motor a combustão, que queima hidrogênio da China, atingiu uma eficiência de 44%.

Leia também

China continuará explorando o motor mesmo que não seja utilizado em carros elétricos

Para atingir essa eficiência, os engenheiros da GAC desenvolveram uma câmara de combustão especial, que foi projetada para otimizar a combustão do hidrogênio. Além disso, também foram usados pistões reforçados, com hastes de conexão e grampos especiais.

Independentemente do uso deste motor a combustão em carros elétricos de produção, a empresa da China deixou bem claro que dará continuidade no trabalho de otimização de motores térmicos movidos a hidrogênio, para que seja possível obter um desempenho cada vez melhor.

Além disso, a empresa afirmou que está trabalhando de forma contínua para criar uma cadeia de abastecimento e produção de hidrogênio a partir de fontes limpas. A montadora está seguindo os mesmos passos da famosa Toyota, que além do Mirai que utiliza um motor a combustão que queima hidrogênio, está testando em alguns motores de corrida de duração, um Toyota Corolla Alimentado por um motor 1.6, movido a hidrogênio.

Montadora GAC está em busca da neutralidade de carbono

A GAC, como grande parte das montadoras da china, planeja fazer a transição energética para diminuir a distância em relação aos fabricantes do ocidente e já está ativa no setor de carros elétricos.

Entre as iniciativas que transformam a empresa em uma das principais protagonista no mercado automotivo do último ano, há o desenvolvimento do Eno 146, carro com o melhor Cx do mundo, e o estudo de uma bateria produzida a partir de grafeno que pode ser recarregada em apenas 8 minutos.

Como se não bastasse, a empresa da China também assinou um acordo com a Huawei, e devido a essa parceria em 2023 – a Huawei deve estrear no mercado de carros elétricos de zero emissão com seus próprios modelos.

Hidrogênio em veículos comuns pode se tornar realidade nos próximos anos

A portuguesa OZ energia está criando um sistema que poderá adaptar um motor a combustão de carros comuns para se locomover com hidrogênio. Vários modelos tradicionais estão passando por um processo de transição para uma mobilidade mais sustentável.

Segundo a empresa, utilizar energia verde não precisa significar uma renovação de frota automotiva da população, e defende que é necessário utilizar carros que já estão no mercado atual, tendo em vista que o caminho para a mobilidade limpa não é feito por meio do descarte de produtos que ainda estão dentro de sua vida útil.

Sendo assim, há pelo menos 3 anos, a empresa está criando um sistema capaz de transformar um carro com motor a combustão em um carro que utiliza maioritariamente hidrogênio.

Publicidade




Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.