No Brasil, Chevrolet está triplicando o número de concessionárias para dar suporte a carros elétricos

Valdemar Medeiros
por
-
02-06-2021 12:02:39
em Logística e Transporte
Chevrolet - carros elétricos - concessionárias Modelo institucional Chevrolet – Créditos – Reprodução Google /Chevrolet divulgação

Para auxiliar a chegada de carros elétricos, como o Bolt EV, a Chevrolet subiu seu número de concessionárias de 26 para 79 espalhadas em quase todo o Brasil

A montadora Chevrolet anunciou, nesta terça-feira (01), que está construindo o triplo de concessionárias no Brasil para dar suporte à comercialização de seus carros elétricos, como o Bolt EV. Anteriormente, eram 26 concessionárias espalhadas pelo Brasil, mas, com a multiplicação, o número de unidades é de 79.

Leia outras notícias relacionadas

Entenda a expansão da Chevrolet e a chegada dos carros elétricos no Brasil

De acordo com o presidente da GM na América do Sul, Carlos Zarlenga, a GM tem compromisso de se tornar líder no setor de carros elétricos na região, e aumentar o número de concessionárias habilitadas é um passo grande para essa estratégia. Sendo assim, a Chevrolet se torna a maior rede especializada em carros elétricos do Brasil. A Chevrolet já havia lançado concessionárias em 14 cidades de sete estados brasileiros e o Distrito Federal.

Com a expansão, a Chevrolet possui agora a maior rede para o atendimento de carros elétricos no Brasil, que é composta por 20 estados e em mais de 50 cidades. As novas concessionárias da Chevrolet possuem suporte para carros elétricos e devem, também, compartilhar o mesmo local com os demais produtos. O grande diferencial é a comercialização da estação doméstica que recarrega a bateria de forma rápida.

Conheça o carro elétrico da Chevrolet

Chevrolet Bolt EV Premier 2020 – TESTE com Camanzi

O Bolt EV começou a ser vendido em março do ano passado e chegou ao fim do ano como um dos carros elétricos mais vendidos do Brasil. Foram vendidas, até o momento, mais de 130 unidades do modelo. O modelo possui um motor de 203 cavalos de potência que o fazem atingir 100 km/h em cerca de 7 segundos, além de uma bateria de 66 kWh, que o permite uma autonomia de 416 quilômetros com uma recarga completa.

O modelo foi reestilizado e sua nova versão SUV está prevista para estrear até o fim deste ano no Brasil. Atualmente, a GM só comercializa esse carro elétrico no Brasil, mas, esse ano, a marca afirmou que pretende fazer um investimento de cerca de R$ 10 bilhões para avançar na eletrificação dos veículos no Brasil.

Sobre a Chevrolet

A Chevrolet surgiu após um convite ao piloto Louis Chevrolet para dirigir um dos protótipos para as pistas pela GM, e, em 1911, surgiu a Chevrolet, que lançou um protótipo que fez sucesso rápido, o que fez com que, depois de um tempo, começou a ser produzido em larga escala.

Já no Brasil, a primeira fábrica chegou em 1925, no bairro do Ipiranga, e mesmo com a economia no mundo em crise, devido à Primeira Guerra Mundial, as vendas só aumentavam, fazendo com que, em dois anos, o Brasil já possuísse outra fábrica da Chevrotet instalada em Caetano do Sul, até chegar aonde está hoje.

Tags:
Valdemar Medeiros
Formado em Segurança do trabalho, especialista em marketing de conteúdo em conjunto de ações de SEO e Universitário de Publicidade e Propaganda.