Maior usina de dessalinização do Brasil será construída no estado do Ceará

Roberta Souza
por
-
20-07-2021 14:11:31
em Economia, Negócios e Política
Usina – Ceará Exemplo de usina de dessalinização/ Fonte: Oficina de Textos

A usina de dessalinização será uma parceria entre o governo do estado e a Ceagece – companhia de água e esgoto do Ceará

Nesta terça-feira, 20 de julho, o governo do estado do Ceará assinou um contrato com a Ceagece (Companhia de Água e Esgoto do Ceará) para implantação da maior usina de dessalinização de água marinha do Brasil. A fase de estudos e licenciamento da usina levará 18 meses e depois poderão ser iniciadas as obras físicas, previstas para durarem dois anos. Confira ainda outra notícia: Nova fábrica da Votorantim Cimentos inicia operação no Complexo do Pecém, no Ceará. Empreendimento irá gerar novos empregos

Detalhes sobre a usina de dessalinização que será construída no estado do Ceará

A usina de dessalinização, quando estiver em pleno funcionamento, em 2025, na Praia do Futuro, vai diversificar a matriz hídrica do estado do Ceará para o abastecimento de Fortaleza e da Região Metropolitana (RMF).

O sistema de dessalinização de água marinha é uma importante alternativa de fornecimento complementar de água para abastecimento humano, pois não depende da variação climática, nem da regularidade das chuvas. Além disso, as tecnologias de dessalinização que serão usadas na usina são autônomas e capazes de produzir água de qualidade superior aos padrões de potabilidade previstos na legislação brasileira.

O projeto da usina no Ceará tem custo estimado de 500 milhões de reais. Será a maior parceria público-privada já firmada no estado. O objetivo é diversificar as fontes de água potável da capital e região metropolitana.

Assinatura de contratos e discussão do projeto

O contrato de 30 anos, que envolve a construção e operação da nova usina, será assinado nesta terça (20/07) entre a Ceagece e a Águas de Fortaleza, consórcio formado pelas empresas Marquise Infraestrutura, Abengoa Água e PB Construções. Ao todo, a expectativa é que 700 mil pessoas sejam abastecidas com a água que será produzida quando o projeto estiver em pleno funcionamento.  

A usina transforma a água do mar em água doce. Atualmente, as principais capitais do país vivem risco de crise hídrica no médio prazo. Israel é um dos países que utiliza a tecnologia de dessalinização da água do mar.

Confira ainda: Ceará receberá investimentos de R$ 90 bilhões e pode gerar mais de 5 mil empregos, com projetos de usina de hidrogênio verde

O governo do Estado do Ceará já fechou memorando de entendimento com empresas para realizar investimentos em usinas de produção de hidrogênio verde, que podem resultar em aportes de R$ 91,25 bilhões. A previsão é que somente estas usinas gerem 5 mil empregos nas fases iniciais, sem contar com operações secundárias ou paralelas.

Um exemplo, o estado do Ceará receberá US$ 5,4 bilhões em investimentos da multinacional australiana Enegix Energy. O projeto de hidrogênio verde será construído em cooperação com o governo do estado do Ceará, que construirá a maior usina de hidrogênio verde do mundo e criará milhares de empregos na região.

A Qair Brasil também anunciou no fim do mês de junho que irá construir uma nova usina de hidrogênio verde, no estado do Ceará. A empresa, pertencente ao grupo francês Qair, diz que a construção do projeto está prevista para ser realizada em quatro etapas, entre 2023 e 2030. O empreendimento de hidrogênio verde poderá receber aportes de quase R$ 4 bilhões.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos