Estivadores clamam por medidas urgentes sobre a pandemia do coronavírus no Porto de Santos


Estivadores clamam por medidas urgentes sobre a pandemia do coronavírus no Porto de Santos

Coronavírus: todas as atividades no Porto de Santos estão mantidas.Os acessos marítimo, rodoviário e ferroviário estão abertos sem qualquer restrição.

Estivadores do Porto de Santos, o maior do país, clamam por medidas urgentes sobre a pandemia do Coronavírus, uma vez que todas as atividades estão mantidas. Os acessos marítimo, rodoviário e ferroviário estão abertos sem qualquer restrição. Operações offshore em Macaé são afetadas por decreto municipal que suspende atividades na cidade

Leia Também

Um ofício pedindo medidas urgentes em prol da saúde dos trabalhadores do Porto de Santo  por conta da pandemia do novo coronavírus, foi emitido ao Ministro da Infraestrutura, Tarcisio Gomes de Freitas, pelo Sindicato dos Estivadores (Sindestiva) de Santos, São Vicente, Guarujá e Cubatão.

“Requeremos que seja aplicado pelo Governo Federal, conforme se depreende o artigo 7º, inciso XXXIV da Constituição Federal, a garantia mínima de ganho e trabalho exaradas no item 2 do Artigo 2 da Convenção nº 137 da Organização Internacional do Trabalho – OIT e no artigo 43 e no parágrafo único da lei 12.815/13 e que seja regulamentado através de Decreto e ou outro instrumento normativo a liberação imediata do FGTS dos trabalhadores avulsos.” explicou Nei.

Haveria uma assembléia na última segunda(23) por meio do Sindicato, onde seria discutida uma possível greve da classe operária, interrompendo as atividades no Porto de Santos por trinta dias como medida de prevenção por contaminação pelo Covid-19, uma vez que as operações portuárias vem acontecendo normalmente.

Na última sexta-feira, 20 de março, presidentes dos sindicatos do Porto de Santos, do Órgão Gestor de Mão de Obras (Ogmo) e representantes da Prefeitura de Santos e da Autoridade Portuária se reuniram para tratar as medidas a serem tomadas durante a pandemia.

No encontro, foi defendido por representantes do sindicato medidas a serem tomadas em prol da saúde dos trabalhadores além de apresentaram uma preocupação em relação aos trabalhadores avulsos,  que recebem remuneração mediante trabalho realizado e não terão fonte de renda durante o período de crise em razão da quarentena no Porto de Santos.

De acordo com a Santos Port Authority (SPA), Autoridade Portuária do Porto de Santos informa que todas as operações de movimentação de cargas em navios, caminhões e trens,  foram mantidas, porém as atividades estão respeitando as normas estabelecidos pelas autoridades de saúde de garantir maior proteção aos trabalhadores mediante a pandemia do coronavírus, sejam portuários, funcionários de empresas, caminhoneiros e outros colaboradores.

Diversas ações para prevenir a disseminação da pandemia foram tomadas pela Autoridade Portuária, terminais e operadores no sentido de se adaptar os portões de entrada e saída, bem como o transporte entre margens portuárias, com sistemas de higienização e de segurança, seguindo as normas estabelecidas pelo Ministério da Saúde e Anvisa, com base em diretrizes da Organização Mundial de Saúde.

Faça o Curso de Inglês Autodidata

A economia brasileira está mais próximo do que nunca de empresas globais. A necessidade de funcionários  que tenham no minimo inglês intermediário cresce mas os empregadores têm dificuldades de encontrar candidatos que têm noções do idioma. O curso A Jornada do Inglês Autodidata vem sanando este problema de muitos alunos, com um método fácil e inovador. Assistam aqui os depoimentos reais de estudantes que adquiram o curso e depois façam suas matrículas também.


Flavia Marinho

Sobre Flavia Marinho

Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e Automação. Experiente na indústria de construção naval onshore e offshore. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal.