Casa dos Ventos pretende investir cerca de R$ 8,646 bilhões em parques eólicos na Bahia e gerar mais de 10 mil vagas de emprego

Valdemar Medeiros
por
-
16-07-2021 11:44:05
em Energia Renovável
Casa dos ventos - Bahia - parques eólicos - energia eólica - vagas de emprego Parque de energia eólica – créditos: Gov. da Bahia

Sabendo que a Bahia se posiciona em uma localidade com fortes ventos, a Casa dos Ventos investirá aproximadamente R$ 8,646 bilhões em energia eólica no estado. Serão diversos parques eólicos e muitas vagas de emprego.

Em meio à crise hídrica, a notícia de que um enorme parque de energia eólica está iniciando parte de suas operações comerciais chega como uma melodia para os ouvidos. O Complexo Eólico Rio do Vento, pertencente à Casa dos Ventos, deu início a sua operação comercial de algumas turbinas. Outra boa notícia é que a desenvolvedora de projetos iniciará no segundo semestre deste ano outro parque de energia eólica na Bahia, que promete gerar milhares de vagas de emprego.

Leia outras notícias relacionadas

Bahia é destaque com o seu parque eólico com capacidade de 1 GW

O parque de energia eólica da Casa dos Ventos tem capacidade instalada de 1 GW divididos em duas fases. Para que isso se tornasse possível, foram necessários investimentos de mais de R$ 5 bilhões, que foram divididos entre bancos de fornecimento e recursos próprios da companhia.

A primeira fase do parque eólico possui 504 MW de capacidade instalada dividida em 120 turbinas. Desse total, 15 turbinas já estão operando e outras 15 devem operar nas próximas semanas.

No total, são quatro frentes de montagem trabalhando full time para que o projeto seja implementado o mais rápido possível, colocando por semana quatro ou cinco turbinas em operação. A Casa dos Ventos realizou a energização da estação coletora recentemente e prevê que todas as turbinas estejam em operação até o fim deste ano.

Investimento de R$ 8,646 bilhões na Bahia

Nesta quarta-feira (14), foi anunciado, pelo governo da Bahia, que a empresa Casa dos Ventos pretende investir aproximadamente R$ 8,646 bilhões em parques eólicos em quatro municípios do estado e já assinou os protocolos de investimento.

A assinatura do protocolo para o futuro investimento foi confirmada por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, que é responsável pelos trâmites em parceira com a desenvolvedora de projetos.

Segundo a Revista Exame Invest, a empresa tem em seus planos negociar cerca de 16 bilhões em dois anos, e grande parte desses investimentos será voltada para a Bahia. Além disso, no segundo semestre deste ano, a empresa iniciará a construção de outro parque eólico que recebeu o nome de Babilônia, na Bahia. O projeto terá capacidade de 360 MW e tem data prevista para entrar em operação no mesmo período da segunda fase de Rio do Vento.

Mais de 10 mil vagas de emprego serão gerados na Bahia

Nelson Leal, secretário de Desenvolvimento Econômico, ressaltou que o governo do estado, com essa iniciativa, busca descentralizar os investimentos na capital e expandir para outros municípios da Bahia, tudo isso por meio do investimento em cidades do interior.

Sendo assim, os municípios possuirão mais investimentos internos, gerando mais vagas de emprego e renda para a população. No total, serão gerados mais de 10 mil novos empregos somente no processo de instalação dos aerogeradores. No período de operação, poderão ser gerados 52 empregos nos parques eólicos.

Tags:
Valdemar Medeiros
Formado em Segurança do trabalho, especialista em marketing de conteúdo em conjunto de ações de SEO e Universitário de Publicidade e Propaganda.