Usina de energia solar no Piauí com 660 mil painéis solares é capaz de abastecer mais de 200 mil casas com energia elétrica

Valdemar Medeiros
por
-
02-08-2021 11:26:27
em Energia Renovável
usina - energia solar - Piauí - energia elétrica - painéis solares usina de energia solar – créditos: reuteres/Luian

Em São João do Piauí (PI), uma usina de energia solar construída em uma área de 480 hectares possui capacidade de abastecer mais de 200 mil casas. Além de gerar energia elétrica, também traz ao município emprego, renda e esperança aos moradores

O município de São João do Piauí possui a maior usina de energia solar do estado, com capacidade de entregar energia elétrica suficiente para abastecer mais de 200 mil residências. O parque de energia solar foi construído em uma área de 480 hectares e possui 660 mil placas solares que geram energia elétrica e compõem 22 mil mesas de captação.

Leia também

Especialista em alta voltagem se pronuncia sobre usina solar do Piauí

De acordo com Oséias Oliveira, especialista em alta voltagem, a localização do município foi muito influenciadora, pois especialistas consideraram que não poderia ser um local extremamente quente mas, também, um lugar que não houvesse chuvas constantes.

Sendo assim, quando pontuaram que São João do Piauí seria o local da construção da usina de energia solar, foi estudada a constância das nuvens e, claro, do sol, onde foi constatado que o município é muito propício. Segundo o especialista, a usina que fornece energia elétrica a 200 mil residências possui sensores que acompanham o ângulo do sol, conhecidos como Trackers ou rastreadores solares.

Os rastreadores acompanham e mandam sinais para que as mesas de captação se movam para receber a melhor incidência solar possível. Quando o sol se põe, os Trackers viram as mesas para cima como forma de proteção, pois em caso de ventania, por exemplo, o vento passará por cima ou por baixo das placas de energia solar, não danificando o equipamento.

Investimentos em energia solar no Piauí trazem esperança ao município

O parque de energia solar do Piauí pertence a um grupo espanhol, porém 80% de seus colaboradores são residentes do estado. A usina, além de energia elétrica, gera emprego e esperança para os que vivem na região, como é o caso de Lemoel Rodrigues, Técnico em Segurança do Trabalho.

Lemoel atua na área há um mês e afirma que foi muito gratificante, pois terminou seu curso em 2020 e já teve a chance de colocar em prática seus conhecimentos graças aos investimentos no parque de energia solar em São João do Piauí. De acordo com Edson Batista, diretor de uma escola, a chegada das empresas para o município fez com que a sua unidade buscasse também acompanhar o avanço.

Edson afirma que, quando uma nova empresa chega, automaticamente procura novos cursos para preparar a população e gerar mão-de-obra para aquele setor. Homens e mulheres preparados para o mercado de trabalho cada vez mais exigente evita que os jovens precisem sair de suas cidades para procurar oportunidades.

Piauí alcança a liderança no setor de energia solar

Em maio, o estado alcançou a liderança, em todo o Brasil, na capacidade de produção de energia elétrica a partir da fonte solar. De acordo com a Aneel, a potência das usinas de energia solar instaladas no Piauí passou de 1 GWh.

Se somada à energia eólica, as duas fontes foram capazes de gerar 91% da potência do estado no mês, o que demonstra que o Piauí foi um grande gerador de energia renovável. Segundo dados da Aneel, a matriz energética do estado em maio foi de 3,71 GW.

Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.
fwefwefwefwefwe