Passos elétricos: Conheça o piso de madeira que promete gerar energia ao caminhar sobre sua superfície

Fábio Lucas
por
-
11-09-2021 15:21:04
em Energia Renovável
energia energia elétrica eletricidade piso madeira Sun et al / Matter

Pesquisadores desenvolvem dispositivo capaz de captar energia ao caminharem por cima da sua superfície

A mudança climática está obrigando que empresas e governos do mundo todo a buscarem alternativas baratas e renováveis de geração de energia elétrica. Pesquisadores da ETH Zurich, da Suíça, da Chongqing University, da China e da Northwestern University, de Illinois, nos EUA estão desenvolvendo uma maneira capturar a energia gerada pelos nossos pés que promete revolucionar os pisos de madeira. 

A ideia do estudo é gerar energia através dos pisos de madeira. Eles desenvolveram um protótipo para a captação de energia chamado nano gerador, onde a madeira é empregada com uma cobertura de silicone e nano cristais. Um estudo divulgado pela revista Matter informa que o equipamento é capaz de gerar eletricidade para alimentar lâmpadas de LEDs e outros equipamentos com baixo consumo de energia. 

Como funciona o piso de madeira que gera energia?  

O equipamento é composto por duas peças de madeiras que fazem uma espécie de sanduíche entre eletrodos. Ao serem pisadas, as peças de madeira ficam carregadas por conta do contato e separação. Este efeito é conhecido como tribo elétrico. 

energia energia elétrica eletricidade piso madeira
Exemplo de como funciona o equipamento que transforma o piso de madeira em uma fonte de energia. Fonte: Matter

Apesar do projeto ter tido sucesso nos protótipos, os cientistas destacam que é necessário ainda mais trabalho para fazer um produto com capacidade de ser vendido em escala industrial

Temos focado nossa atenção no desenvolvimento de uma abordagem para torná-la ainda mais amigável industrialmente. E para isso precisamos talvez sacrificar a eficiência geral em favor de métodos mais fáceis de modificação da madeira”, destacou Panzarasa, autor senior do projeto. 

A capacidade de gerar energia nas residências deve se tornar ainda mais comum em um futuro próximo. A produção média de energia com um único dispositivo não é alta, contudo, pode gerar uma quantidade significativa caso seja instalado vários dispositivos na residência. 

Assim, embora a produção elétrica de um único dispositivo não seja tão alta quanto a que publicamos, a união de muitos dispositivos em uma unidade de piso maior acabará produzindo uma quantidade significativa de energia”, concluiu. 

Tags:
Fábio Lucas
Jornalista brasileiro, amo esportes, notícias e política. Já contribui em diversos outros portais relacionados a esportes, economia e informações regionais.
fwefwefwefwefwe