O dólar tem nova alta hoje e Petrobras confirma novo reajuste no preço dos combustíveis; gasolina e diesel ficam mais caros a partir de amanhã, 09 de março

Flavia Marinho
por
-
08-03-2021 14:38:42
em Petróleo, Óleo e Gás
gasolina - diesel - preço - combustíveis - petrobras - emprego - dólar

Os novos valores vigoram a partir de amanhã (09), nas refinarias da Petrobras. É o segundo aumento no preço da gasolina e do diesel em março deste ano

Dólar aumenta e gasolina e diesel ficam mais caros a partir de amanhã 9 de março, nas refinarias da Petrobras e consequentemente o reajuste irá refletir no bolso do consumidor. Este é o sexto reajuste no ano e o segundo somente neste mês de março efetuado pela estatal, onde o preço da gasolina vai subir em 8,8% e do diesel em 5,5%. Procurando emprego? Currículo e carteira de trabalho em mãos para concorrer as vagas de emprego abertas hoje (08/03) para trabalhar em usina de etanol.

Leia também

Com isso, os preços médios nas refinarias serão de R$ 2,84 por litro para a gasolina e R$ 2,86 por litro para o diesel, após aplicação de reajustes de R$ 0,23 e de R$0,15 por litro, respectivamente. A informação foi confirmada pela Petrobras.

Os preços válidos são a média dos praticados nas 37 refinarias da Petrobras, espalhadas pelas regiões Sudeste, Norte, Nordeste e Centro Oeste

Segundo a Petrobras, o aumento se dá por “alinhamento dos preços ao mercado internacional [que] é fundamental para garantir que o mercado brasileiro siga sendo suprido, sem riscos de desabastecimento, pelos diferentes atores responsáveis pelo atendimento às regiões brasileiras: distribuidores, importadores e outros refinadores, além da Petrobras”. A empresa lembra que esse mesmo equilíbrio competitivo foi responsável pelas reduções de preços quando a oferta cresce no mercado internacional, como ocorrido ao longo de 2020.

A empresa explicou que “os preços praticados têm como referência os preços de paridade de importação e, dessa maneira, acompanham as variações do valor do produto no mercado internacional e da taxa de câmbio do dólar, para cima e para baixo”.

A Petrobras ressalta que os novos valores dizem respeito à venda das refinarias para as distribuidoras, ou seja, não correspondem ao que chegará no consumidor final. Até chegar ao último comprador, há o acréscimo de tributos federais e estaduais, custos para aquisição e mistura obrigatória de biocombustíveis e das margens brutas das distribuidoras e dos postos revendedores.

A Petrobras afirma ainda que o preço da gasolina e do diesel estão abaixo da média mundial

“Segundo dados do Global Petrol Prices, em 18/01/2021, o preço médio ao consumidor de gasolina no Brasil era o 56º mais barato dentre 166 pesquisados, estando 17,8% abaixo da média de 1,05 dólar por litro. Já o preço médio de diesel ao consumidor no Brasil era o 42º mais barato dentre 165 pesquisados, estando 26,7% abaixo da média de 0,95 centavos de dólar por litro”.

Tags:
Flavia Marinho
Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e Automação. Experiente na indústria de construção naval onshore e offshore. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal.
fwefwefwefwefwe