Novo sistema de energia solar é instalado em estação de trem em São Paulo

Roberta Souza
por
-
25-06-2021 09:48:42
em Energia Renovável
Energia solar – estação de trem – São Paulo Estação de trem com painéis de energia solar/ Fonte: Portugal Digital

Os painéis de energia solar instalados na estação de trem em São Paulo, são provenientes de parceria entre a Eletromidia e Santander

Na Vila Olímpia, na cidade de São Paulo, agora tem sua primeira estação de trem sustentável, concebida em uma parceria entre a Eletromidia e o banco Santander. A EDP, empresa que atua em todos os segmentos do setor elétrico foi a responsável pelo sistema de aproveitamento de energia solar, que produzirá 8500 kWh de energia limpa por mês. Veja ainda: No Ceará, 588 placas de energia solar são instaladas em estação de metrô da capital

O projeto de instalação de painéis de energia solar, em São Paulo

O objetivo desta nova estação de trem com os equipamentos de energia solar é contribuir para uma experiência mais agradável no caminho das pessoas que circulam na estação. Depois de analisar criteriosamente os fluxos da estação, a equipe de criação da Eletromidia trouxe diversas soluções que diminuem o impacto ambiental, empregando conceitos de sustentabilidade e melhoram a circulação e permanência dos usuários.

A nova estação sustentável Vila Olímpia, concebida em parceria entre a empresa de OOH Eletromidia e o Santander, recebeu sistemas de aproveitamento de energia solar e reuso de água de esgoto. A energia gerada pela estação pode abastecer cerca de 40 casas e a economia mensal de água prevista chega a 150 mil litros de água.

Além da instalação de painéis de energia solar, a estação também contará com mais de 1.500 m² de área verde, que diminui a temperatura dos ambientes, entre outros benefícios. Os jardins verticais serão irrigados por sistema que faz reuso da água de esgoto da própria estação através de wetlands (jardins filtrantes). Os equipamentos básicos como bancos e uma nova marquise que protege os usuários da chuva são feitos de materiais sustentáveis. Os novos bancos trazem pontos USB para carregamento de eletrônicos e para os ciclistas, calhas para facilitar o transporte das bicicletas pelas escadarias.

Grande potencial de geração de energia

A EDP formatou uma solução que consiste em um gerador de energia solar conectado à rede da estação. Dessa forma, a estação passa a gerar o equivalente a 40 residências com um consumo de 200kWh/mês. A instalação em telhado metálico ocupa uma área de cerca de 500 m², com capacidade de geração de 102 MWh por ano.

André Pereira, diretor da EDP Smart, diz que “Temos como ambição liderar a transição energética no país. Por isso, aceitamos o convite para contribuir com a primeira estação sustentável de São Paulo. Aproveitamos o ambiente da própria estação com uma solução de energia solar eficiente e que traz benefícios ao meio ambiente. Acreditamos que iniciativas como este projeto da nova estação sustentável Vila Olímpia apontam para o futuro sustentável que o planeta precisa”.

Veja ainda: Usando energia solar para se locomover, o primeiro trem turístico da América Latina está oferecendo passeios

O primeiro trem turístico da América Latina, movido a energia solar, o Tren de la Quebrada percorrerá as montanhas de Jujuy a Cusco, oferecendo passeios para aqueles que desejam visitar a Argentina e Peru.

Para tornar o projeto viável, os painéis de energia solar foram equipados no teto do trem. O objetivo do projeto é focar na preservação ambiental e sustentabilidade e mostrar que a energia solar pode ser utilizada em qualquer tipo de transporte ou empresa.

O investimento do primeiro trem movido a energia solar da América Latina foi de US$ 9 milhões, e contou com profissionais e especialistas internacionais que foram responsáveis pelo primeiro trem de energia solar da Austrália.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos