Nova scooter da Honda atrai consumidores devido ao seu preço; veículo custa menos que smartphones disponíveis no mercado brasileiro

Valdemar Medeiros
por
-
21-08-2021 18:15:41
em Logística e Transporte
Honda - Scooter - smartphones - consumidores Nomeado de “U-BE”, veículo foi apresentado pela primeira vez no mercado chinês com o preço de U$ 475, o que equivale no Brasil a cerca de R$ 2.500 – FOTO: Divulgação/Honda

A Honda, após lançar a U-GO, está trazendo uma scooter elétrica que está chamando a atenção dos consumidores. O modelo promete ser mais barato que um smartphone e ainda entrega uma autonomia de 80km

Foi lançada recentemente pela Honda a U-GO, uma scooter elétrica que custa US$ 1.150, porém a Scooter U-BE chegou ao mercado por um preço bem mais acessível, custando apenas US$ 475, o equivalente a R$ 2.572 em conversão direta. O modelo, que está chamando a atenção dos consumidores, possui um preço bem menor que muitos smartphones e é considerada praticamente uma bicicleta, por conta da sua velocidade máxima definida que é de 25 km/h.

Leia também

Scooter da Honda possui motor de 350 W

Lançamento Honda: Chegou a U-BE novidade no seguimento das elétricas no mercado internacional.

O motor na roda traseira da scooter da Honda que está atraindo diversos consumidores ao redor do mundo é de 350 W, e na China, onde isso é medido em potência média, é basicamente a mesma potência de um liquidificador considerado potente.

Com custo de smartphone intermediário, a scooter da Honda, mesmo que não seja tão potente, foi um enorme atrativo para os consumidores, pois no país já é basicamente uma tradição utilizar bicicletas.

Caso o modelo chegue ao Brasil, o seu preço, que é equivalente ao de um smartphone, também deverá chamar atenção, pois apesar de não precisar do uso de habilitação, chegará na faixa dos R$ 4.000 com impostos. Uma scooter assim não é considerada ciclomotor pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran), sendo assim não será preciso possuir CNH para pilotar, além da possibilidade de poder andar em ciclovias.

Muito além do preço de um smartphone, Scooter da Honda possui autonomia de 80 km

Mesmo com um simples motor de 350W, a scooter da Honda chama a atenção dos consumidores pelas suas opções de baterias. Confira as três a seguir:

  • 48V15Ah, de 720 watts hora;
  • 48V20Ah de 960 watts hora;
  • 48V24Ah de 1,152 watts hora.

A autonomia da primeira bateria é de 55km, a intermediária já conta com uma autonomia de 70 km e a última e mais potente entrega a scooter a capacidade de rodar 80km em uma única carga.

Caso os consumidores decidam usar os pedais que são inclusos da U-BE, a autonomia também poderá ser aumentada futuramente. Comparada com a U-GO, uma scooter elétrica com um motor de 1.200 Watts de potência que possui uma velocidade máxima de 53 km/h, a U-BE ganha devido ao seu preço mais acessível. A-GO possui ainda uma bateria que entrega uma autonomia de 133 km.

Multinacional Honda se preocupando com a segurança

A Honda está desenvolvendo em sua nova scooter um sistema de airbarg para contribuir para que os pilotos tenham uma maior segurança no trânsito. De acordo com a montadora, parte dos acidentes que acontecem causam lesões por conta dos impactos frontais e se for inserido um airbag poderá reduzir os danos de forma permanentemente.

O novo sistema que será implantado é mais estreito e possui como objetivo evitar o choque entre o piloto e os obstáculos que possam machucá-lo. Os testes estão sendo realizados em scooters, pois esses modelos são mais utilizados em áreas urbanas onde há um maior número de acidentes. O modelo escolhido foi a Scooter PCX, mas o sistema poderá ser implantado em outros modelos.  

Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.
fwefwefwefwefwe