Mineradora multinacional convoca candidatos para mais de 40 oportunidades de emprego. Técnicos, operadores, auxiliares, mantenedores e outros profissionais são requisitados para as obras

Roberta Souza
por
-
23-11-2021 08:52:41
em Uncategorized
emprego, mineradora, nexa, técnico Foto: reprodução site Nexa

A Nexa, antiga Votorantim, contrata profissionais de nível médio, técnico e superior, para mais de 40 vagas de empregos em MG, MT e SP

A Nexa está entre as cinco maiores produtoras mundiais de zinco, ocupando posição de liderança na América Latina e conta com um portfólio diversificado, que contempla também: cobre (Cu), chumbo (Pb), prata (Ag) e outros minérios. Atualmente, a mineradora está contratando para oportunidades em Minas Gerais, Mato Grosso e São Paulo. As vagas de emprego são para atuar em obras da empresa, requisitando técnico, auxiliares, operadores, engenheiros e outros profissionais.

Veja também:

Atenção: o Click Petróleo e Gás não é responsável pelo preenchimento das vagas de emprego da mineradora Nexa. Isso significa que a qualquer momento, uma das posições pode ser preenchida. Confira as oportunidades no site da multinacional e não deixe de se candidatar!

Veja abaixo, as vagas de emprego oferecidas pela mineradora, para obras em Minas Gerais, Mato Grosso e São Paulo

  • Analista de Relações com Investidores Sênior
  • Analista de S&OP Sênior
  • Auxiliar Administrativo
  • Auxiliar de Manutenção
  • Auxiliar De Operação
  • Auxiliar De Sondagem
  • Auxiliar de Topografia
  • Consultor (a) de TI Business Partner – Finanças
  • Coordenador (a) Saúde Ocupacional – Aripuanã
  • Engenheiro(a) de Utilidades
  • Engenheiro Pleno (Automação)
  • Geólogo(a) Sênior
  • Gerente de Segurança e Saúde Ocupacional – Aripuanã
  • Mantenedor(a) A- Eletricista
  • Mantenedor A – Mecânico (Infra de Mina)
  • Mantenedor B
  • Mantenedor B – Eletricista (Infra de Mina)
  • Mantenedor B ( Instrumentista II )
  • Mantenedor C – Soldador (Infraestrutura de Mina)
  • Operador A – Auxiliar de Geotecnia
  • Operador(a) B – Infra de Mina
  • Operador(a) B- Slot Borer
  • Operador(a) C – Carregadeira/LHD
  • Operador A – Concreto Projetado
  • Operador(a) de Equipamentos (Caminhão 45T – mina subterrânea)
  • Operador(a) de Equipamentos Fandrill – Auxiliar
  • Operador(a) de Manipulador – Plataforma
  • Operador(a) de Retroescavadeira
  • Operador(a) de Scaler
  • Operador B
  • Operador B – Betoneira
  • Operador B – Expedição
  • Operador B – Suporte
  • Operador de Bolter – Robolt
  • Operador D – Jumbo
  • Operador D – Moagem
  • Supervisor(a) de Desenvolvimento
  • Supervisor – Oficina Central
  • Técnico(a) de Enfermagem do Trabalho (Temporária)
  • Técnico(a) em Geomecânica (Mecânica de Rochas)
  • Técnico(a) em Manutenção II / Automotiva
  • Técnico de Manutenção II
  • Técnico de Segurança do Trabalho – III
  • Técnico Manutenção II ( Elétrica )
  • Técnico Manutenção I – Inspetor Eletromecânico de HME
  • Técnico Operação – Flotação

Se inscreva nas oportunidades de emprego da mineradora Nexa, clicando aqui. Boa sorte!

Sobre a Nexa: Operadora de cinco minas polimetálicas, sendo três localizadas nos Andes centrais do Peru (Cerro Lindo, El Porvenir e Atacocha) e duas no estado de Minas Gerais, no Brasil (Vazante e Morro Agudo). Suas operações são minas subterrâneas e a céu aberto de grande escala, modernas e mecanizadas, que produziram 556 mil toneladas de zinco equivalente1 em 2018. Cerro Lindo e Vazante estão entre as 15 maiores minas de zinco do mundo e, combinadas com outras operações de mineração, colocam a Nexa entre os cinco maiores produtores mundiais de zinco, segundo a Wood Mackenzie.

A empresa atingiu receita líquida de US$ 2,5 bilhões em 2018, evolução de 1,7% em relação ao resultado do ano anterior (US$ 2,4 bilhões) e o EBITDA ajustado foi de US$ 605 milhões (US$ 668 milhões no ano anterior). No encerramento do ano, a empresa manteve 5.591 empregados próprios e 11.345 contratados de terceiros.

China cria gigante de terras raras e firma controle sobre mineração, podendo usar como trunfo para pressionar EUA e Japão, atualmente, seus maiores compradores

A China reestruturará três produtores de terras raras para criar uma empresa estatal, com o objetivo de estender o controle da produção de toda a cadeia de abastecimento, incluindo as exportações. A nova companhia terá uma participação de quase 70%, da cota de produção nacional, para os metais essenciais para a fabricação de produtos de alta tecnologia. Confira esta matéria na íntegra clicando aqui.

Publicidade




Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos