Governo do RJ cria programa para gerar e financiar energia solar no agronegócio

Valdemar Medeiros
por
-
16-03-2021 10:21:29
em Energia Renovável
RJ - Governo - Energia solar - Agronegócio Painel de energia solar – Fonte: Reprodução Google

Governo do estado do RJ está desenvolvendo programa para financiar energia solar para os principais produtores do agronegócio

O agronegócio é um setor que necessita de eletricidade para efetuar uma grande parte de suas tarefas e o Governo do RJ decidiu investir em energia solar nesse setor. Assim como a utilização de outras fontes renováveis, a produção de energia solar fotovoltaica em propriedades rurais vem se expandindo. Levando em conta essas informações, com o auxílio da Secretária de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, o Governo do Estado desenvolveu a linha de fomento rural Energia Limpa.

Leia também

Esta linha integra o Programa Agrofundo, da Secretaria de Agricultura, acompanhada do governo, e tem como abeneficiários produtores rurais com explorações sediadas no território do governo do RJ. O limite financiável dessa linha de fomento é de 100% do orçamento, até R$ 60 mil, com prazo máximo de 60 meses e juros anuais de 2%.

Energia solar produzida no agronegócio pode salvar colheitas

A energia solar produzida poderá ser utilizada na propriedade rural. Ela poderá acionar, por exemplo, o sistema de ordenha mecânica, bombas para irrigação de pastagens etc…

O superávit de energia produzida pelas placas fotovoltaicas no imóvel rural será transferido à concessionária de eletricidade, assim compensando na forma de créditos em energia. Isso também poderá ser usufruído em outras residências do produtor rural, inclusive na cidade.

Estudos comprovam que a energia solar traz mais economia no custeio das atividades agropecuárias, além de ser uma excelente alternativa ao produtor que, diversas vezes, sofre com a qualidade de fornecimento de energia.

O uso da energia solar, por ser uma fonte renovável, se torna muito vantajoso e tem se transformado em um item essencial para o agronegócio.

Há diversos fatores que colaboram para a utilização da energia solar no agronegócio, sendo o mais atrativo a economia de recursos financeiros, mas não se limita a isso, visto que a sustentabilidade também é um grande diferencial competitivo para o produtor rural.

Tags:
Valdemar Medeiros
Formado em Segurança do trabalho, especialista em marketing de conteúdo em conjunto de ações de SEO e Universitário de Publicidade e Propaganda.