Engie e Enel Green Power recebem sinal verde para iniciar operação de usinas de energia solar no Piauí

Valdemar Medeiros
por
-
14-10-2020 10:55:23
em Energia Renovável
Engie - Enel - energia solar DUNHUANG, GANSU – JULHO 21: Um trabalhador chinês anda nos módulos solares de um projeto de energia fotovoltaica na rede recém-instalado de 100 MW em 21 de julho de 2010 em Dunhuang da província de Gansu, noroeste da China. O governo está concorrendo a licitações para desenvolver 13 projetos solares com capacidade combinada de 280 MW nas regiões ocidentais. O governo chinês estabeleceu uma meta de instalar 20 GW de capacidade de energia solar e 100 GW de energia eólica até 2020. (Foto de Feng Li / Getty Images)




A Enel Green Power, do grupo italiano de energia Enel, recebeu autorização para iniciar a operação comercial de dois projetos de geração solar no Brasil, ambos no Piauí.

Segundo informação divulgada recentemente pela Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica no Diário Oficial da União, a companhia italiana Enel Green Power e empresas controladas pelo grupo francês Engie foram autorizados a iniciar a operação comercial de sete usinas de geração de energia solar no Nordeste.

Leia também

Usinas de energia solar no Piauí da Enel e Engie

As duas usinas de energia solar que receberam autorização na manha de hoje (14) somam um total de 96MW em capacidade energética. Anteriormente a Enel Green Power afirmou que estava trabalhando para expandir em um futuro próximo um dos seus complexos solares, a empresa deseja somar um total de 608MW em potencial de energia solar.

No total a Enel Green Power e Engie já somam mais de 60 projetos em energia solar em solo nacional, 3,7 GW em potencial energético solar no total se unir todos os projetos de energia renovável da empresa. Por fim, anteriormente a Engie fechou uma parceria com a empresa de geração renovável BC Energia para a construção de sete usinas solares fotovoltaicas.

As plantas da Enel e Engie destinam-se à modalidade de geração distribuída e serão instaladas nos estados de Goiás, Minas Gerais e Distrito Federal. As usinas terão capacidade instalada de 10,8 MWp. Somadas, adicionarão 21 GWh/ano à capacidade de geração de energia instalada da BC Energia, que chegará a 35,5 GWh em 2021 – o correspondente ao abastecimento de 20 mil residências.

Energia solar no Brasil

O benefício da economia e redução de (possivelmente) quase todo o custo nas contas de energia elétrica é certamente a principal vantagem para todos os consumidores que adquirem um sistema de energia solar no Brasil.  

Isso porque, através das regras da geração própria de energia, o consumidor que instala um sistema tem a opção de conectá-lo na rede elétrica da distribuidora local e passar a fazer a troca da energia gerada pela energia consumida da mesma.  

Assim, toda a energia consumida em sua casa passa a vir, direta ou indiretamente, do seu sistema, conseguindo economizar então até 95% na conta de energia elétrica.

Sites Parceiros

Publicidade




Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.