Início Carros elétricos não precisarão mais ser recarregados após a chegada da nova tecnologia da Stellantis

Carros elétricos não precisarão mais ser recarregados após a chegada da nova tecnologia da Stellantis

20 de junho de 2022 às 13:11
Compartilhe
Siga-nos no Google News
carros elétricos - carro elétrico - Stellantis - tecnologia
Estradas de carregamento por indução. Stellantis inicia 3.ª fase de testes – Divulgação

Stellantis desenvolve tecnologia capaz de evitar o carregamento de carros elétricos em estações de recarga. A empresa afirma que a tecnologia pode enviar eletricidade diretamente aos motores dos veículos.

Sem dúvida, os carros elétricos serão o futuro do mercado automotivo. Porém, o recarregamento e a autonomia ainda são pontos que o setor de elétricos precisa melhorar. Mas a chegada de uma nova tecnologia pode mudar isso. A Stellantis está testando uma pista em que os carros elétricos são recarregados simplesmente por trafegarem em faixas de estradas específicas, especialmente preparadas, sem utilizar nenhum fio ou cabo.

Tecnologia da Stellantis utiliza bobinas do asfalto

Carros elétricos: estrada carrega baterias de veículos por indução

A Tecnologia da Stellantis recebeu o nome de Dynamic Wireless Power Transfer, ou DWPT, e é um sistema de bobinas instaladas sob o asfalto responsável por transferir energia elétrica diretamente para os automóveis, ônibus e caminhões, sem que estes precisem parar em estações de carregamento.

Artigos recomendados

A tecnologia pode ser adaptada em qualquer carro elétrico por meio de um receptor especial, que transfere a energia gerada da infraestrutura da estrada diretamente para o motor elétrico, ampliando a autonomia e conservando a carga da bateria.

O projeto-piloto da Stellantis e de seus parceiros envolvidos é coordenado pela A35 Brebemi, uma empresa que pertence à operadora global de infraestrutura de transporte Aleatica, centrada em soluções de mobilidade.

O trabalho na denominada “Arena of the Future” mostra que um BEV, como o novo e-500 da Fiat, marca da Stellantis, foi preparado para testar se o sistema consegue manter velocidades típicas de estrada sem consumir nada da energia armazenada na bateria.

Os testes também mostram que a eficiência do fluxo de energia do solo para os carros elétricos é comparável à eficiência dos postos de carregamento rápido. Além disso, as medições da intensidade do campo magnético provam que não há nenhum impacto sobre os passageiros e o condutor.

Volvo inicia testes de carregamento sem fio

A multinacional Volvo também está testando uma solução de carregamento na Suécia que possibilita que um carro elétrico seja carregado enquanto estacionado, por indução. A tecnologia de carregamento wireless já foi aplicada em smartphones e muitos outros dispositivos com muito sucesso.

Entretanto, carregar um carro elétrico sem nenhum fio, dado o tamanho e o desempenho de sua bateria, é um grande desafio. As baterias dos carros elétricos da Volvo são de íon de lítio modificadas, com um design parecido com as utilizadas em laptops e dispositivos eletrônicos. Essas baterias são escolhidas por sua alta densidade de energia e ciclos de vida mais longos, porém variam em resistência, velocidade de carregamento e duração.

Quando se trata de smartphones, a bateria de lítio pode ser carregada sem nenhum fio, utilizando um processo chamado carregamento por indução, que é um processo parecido com o que está sendo testado nos carros elétricos da Volvo.

Outros projetos semelhantes estão sendo desenvolvidos para acabar com a grande demora das recargas dos veículos elétricos

Na cidade de Indiana, nos Estados Unidos, uma empresa desenvolveu uma espécie de concreto que ajuda na reposição de carga de um carro elétrico em movimento, isto é, evitando que o condutor tenha que parar para recarregar seu veículo e esperar por longas horas.

A empresa garantiu que o concreto pode carregar os carros elétricos com 95% de eficiência. A Magment é a empresa responsável por projetar esse modelo de concreto, além de ser responsável também pela instalação deste tipo de nova tecnologia.

A companhia norte-americana afirma que este projeto é um grande passo rumo ao futuro, prevendo o carregamento sem fio dinâmico de vários modelos de carros elétricos.

Relacionados
Mais recentes