Amazul e Nuclep estão de mãos dadas na construção do protótipo de um reator nuclear para navio em Iperó (SP)

Valdemar Medeiros
por
-
25-11-2020 12:58:38
em Indústria Naval, Portos e Estaleiros
Amazul e Nuclep - reator nuclear Navio Prosub da riachuelo

As estatais Amazul e Nuclep atuam unidas na construção de um protótipo de um reator nuclear, que irá equipar um submarino nuclear do programa Prosub da Marinha, em Iperó, no Centro Experimental Aramar.

Conforme já mencionado, Amazul e a Nuclep selaram um contrato recentemente de mais de R$50 milhões para a construção do reator nuclear, que visa a montagem, fabricação e fornecimento do cilindro e estruturas internas, na contenção onde será montado o reator, sem mencionar no tanque de blindagem.

Leia também

O equipamento em questão faz parte do sistema de propulsão do quinto e ultimo submarino, de uma serie do programa da Marinha do Brasil, o Prosub, que estão sendo edificados no estaleiro ICN de Itaguaí.

Comitiva PROSUB visita instalações da NUCLEP

No dia 23 de junho, uma comitiva da PROSUB visitou as instalações da NUCLEP, a fim de acompanhar de perto a obra de fabricação do protótipo do reator nuclear que está em desenvolvimento no CTM – Centro Tecnológico da Marinha, situada em São Paulo para a AMAZUL.

O projeto intitulado de Labgne (Laboratório de Geração de Energia Nucleoelétrica), e foi criado como um protótipo, em solo terrestre e uma escala real, dos sistemas de propulsão que serão instalados no submarino.

O Langne da Nuclep se faz permitir uma simulação totalmente segura, podendo assim ser possível a instalação do submarino com a propulsão nuclear, a operação do reator e dos variados sistemas eletrônicos que nele serão integrados.

Segundo Amazul próximas fases de testes serão controladas no Labgene

 Segundo a Amazul, as seguintes fases de testes do reator nuclear, os turbogeradores, o motor elétrico e sistemas afins, serão testados de forma controlada no Labgene – que é o protótipo em terra e em escala real dos sistemas de propulsão que serão instalados futuramente no submarino nuclear brasileiro, que tem previsão de conclusão para meados de 2034.

Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.
fwefwefwefwefwe