A potência de geração distribuída de energia solar na Bahia cresceu 118%

Valdemar Medeiros
por
-
28-11-2020 11:39:28
em Energia Renovável
Geracao distribuída - energia solar -Bahia Placa de energia solar

O conceito de geração distribuída e mais energia solar, na Bahia, vendo sendo adotado em algumas residências, e também por partes de algumas empresas.

Mundialmente tem-se aderido às fontes de energia solar, por ser muito acessível e de fácil manuseio e instalação, além de não agredir o meio ambiente, com o uso da energia solar é possível a viabilização de geração distribuída de energia. Isso quer dizer que, a energia será produzida próximo ou no próprio local de consumo.

Leia também

Geração distribuída de energia solar na Bahia vem crescendo

Essa potência de geração distribuída na Bahia teve um crescimento de 118% na energia solar, se comparado janeiro de 2020 com o ano de 2019, diz a Absolar – Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica. A produção de energia solar no estado teve prospecção de 63,2MW para 138,3 MW no período.

Cerca de 90% de toda população da Bahia já tem energia gerada por parte das placas fotovoltaicas. Sabe-se que cerca de 90% da população da Bahia já fazem uso da energia solar, através das placas fotovoltaicas. Segundo a ANEEL, que é a Agencia Nacional de Energia Elétrica, as cidades que contem maior capacitação de instalação, são: Barreiras, Camaçari, Salvador, Lauro de Freitas e Amélia Rodrigues.

Atlas Solar, ferramenta que ajuda empresas no setor energético na Bahia

O benefício principal da implantação das placas de geração de energia solar são o ambiental e financeiro. Em relação ao meio ambiente, o aproveitamento energético de origem renovável e limpa tem uma contribuição em relação ao conceito de sustentabilidade. Enquanto o financeiro visa a redução de custos, que pode chegar a atingir um valor mínimo a ser pago na conta de energia.

Com seu lançamento em 2018, o Atlas Solar tem como objetivo atrair negociações na área de energia solar em todo o estado.

Após dois anos desde o seu lançamento, podemos fazer uma análise um tanto positiva, e com foco na capacidade instalada da fonte fotovoltaica na geração de energia solar distribuída da região Nordeste, que fica atrás apenas do Ceará, que é o primeiro estado com maior capacidade de geração distribuída de energia solar.

Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.
fwefwefwefwefwe