Início Volkswagen e Bosch assinam acordo para desenvolver projetos relacionados a sistemas de motorização na América Latina

Volkswagen e Bosch assinam acordo para desenvolver projetos relacionados a sistemas de motorização na América Latina

12 de junho de 2022 às 08:40
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Bosch - VW - Volkswagen - América latina -
Ceo da Bosch no Brasil e VW juntos – imagem: Divulgação/VW

A Bosch e a Volkswagen assinaram um acordo para desenvolver projetos com foco na mobilidade limpa, segura, conectada e avançada na América Latina.

A Volkswagen do Brasil e a Bosch fecharam uma nova parceria na quinta-feira (9) com o objetivo de desenvolver projetos ligados à assistência ao condutor e sistemas de motorização na América Latina. Sendo assim, as duas empresas esperam expandir inovações para mercados emergentes que contribuem com a baixa emissão de carbono e a eficiência energética da mobilidade, assim como a segurança no trânsito. 

Projetos da Bosch e VW visam melhoria de motores a combustão movidos a biocombustíveis

Gastón Díaz Pérez, presidente da Bosch para o continente, e Pablo di Si, executivo da Volkswagen na América Latina, formalizaram a parceria durante evento na sede da Bosch em Campinas (SP). Os projetos na América Latina integram soluções para aprimoramento de performance e eficiência de motores a combustão interna movidos a biocombustíveis, como o etanol, por exemplo, que são voltados para a redução de emissão de poluentes.

Artigos recomendados

Segundo Di Si, em comunicado à imprensa, todos estão focados e imersos em trazer para a Volkswagen projetos consistentes e inovadores que contribuam significativamente para a estratégia Way To Zero na região, em todas as áreas de atuação da empresa.

O executivo também afirma que ter um parceiro como a Bosch para o projeto na América Latina não traz apenas a expertise para atingir a meta de descarbonização e eficiência energética, mas também leva a outro patamar de segurança e tecnologia. 

Volkswagen e Bosch focam em cenários de trânsito na América Latina

De acordo com as empresas, outro foco de atuação será a junção de soluções elétrico-híbridas com sistemas movidos a biocombustível. A parceria tem como objetivo incentivar o uso de geração de energia através da conectividade, algo que a Volkswagen faz com o recurso “Abasteça Consciente”, disponível no app da montadora alemã. Já em questão de segurança, as empresas atuarão para melhorar sensores e encontrar características dos cenários de trânsito na América Latina para adequação da assistência à condução e de sistemas de frenagem.

O intuito é, com isso, refinar a recuperação de energia e economia de combustível. De acordo com Díaz Pérez, também em comunicado, a parceria com a Volkswagen vai de encontro ao propósito da empresa de tecnologia para a vida, tornando a mobilidade mais segura, limpa, econômica e conectada.

A parceria unirá inovação e tecnologia, reforçando o compromisso das empresas com a segurança veicular e a descarbonização na América Latina.

Bosch e Volkswagen fecham outras parcerias

No início do ano, a Volkswagen anunciou que terá uma empresa exclusiva para o desenvolvimento de baterias para carros elétricos e também afirmou que a mesma será feita em parceria com a Bosch.

O intuito é unir esforços para desenvolver uma unidade de projeto e explorar as possibilidades de soluções em escala industrial para a produção de baterias na Europa, isto é, instalar uma super fábrica de baterias para suprir as demandas do continente.

Na época, o Membro do Conselho de Administração do Grupo Volkswagen, Thomas Schmall, afirmou que a Europa tem tudo para se tornar uma potência global na produção e comercialização de baterias para carros elétricos. A estimativa é que a capacidade anual possa chegar a 700 GWh até a próxima década.

De acordo com o presidente da Diretoria Executiva da Bosch, Rolf Najork, sua empresa possui muitos pré-requisitos para contribuir com a parceria e mencionou os mais de 135 anos de experiência da empresa no setor, e é isso o que pretende colocar à disposição do Grupo Volkswagen para tirar o projeto da super fábrica do papel, no máximo, até o fim deste ano.

Relacionados
Mais recentes