Vai começar a montagem eletromecânica da usina térmica GNA I no Porto do Açu

GNA Açu

Com a conclusão do recebimento dos equipamentos de grande porte, recém chegados da Alemanha e dos Estados Unidos, a ilha de potência da usina no Açu, agora pode ser montada

As obras da usina térmica GNA I, localizada no Porto do Açu, em São João da Barra (RJ) entra em uma fase decisiva. Com as obras civis da usina estão praticamente finalizadas e o recebimento dos equipamentos de grande porte que farão parte de sua ilha de potência, o empreendimento reforça a fase de montagem eletromecânica, uma etapa que normalmente rende muitos postos de trabalho.

Os equipamentos chegaram pelo terminal multicargas do Porto do Açu, oriundos da Alemanha e dos Estados Unidos, onde foram fabricados pela Siemens.
Segundo Armando Juliani, Diretor da área de Services & Digitalization, EPC Power Generation da Siemens no Brasil, o recebimento dos equipamentos é um marco no projeto.

“Estamos muito felizes em dar mais esse passo na conclusão de um projeto tão importante como esse, que além da implantação dos equipamentos, também contempla a prestação de serviços de longo prazo para operação e manutenção da usina”, disse ele.
Em maio passado, o Click Petróleo e Gás já havia publicado a chegada do mais importante equipamento da usina e considerado o seu coração, a turbina a gás.

Próximas fases do empreendimento

Concluída a Montagem Eletromecânica da GNA I, o projeto entra na fase de comissionamento, previsto para começar no início do ano que vem.
A GNA I tem capacidade de geração de 1.300 MW, e é formada por três turbinas a gás SGT6-8000H, uma turbina a vapor SST6-5000, três caldeiras recuperadoras de calor, além de torre de resfriamento, subestação e sistemas de supervisão e controle.

O empreendimento no Açu é o maior complexo termelétrico a gás natural da América Latina, totalizando 3 GW e conta ainda com uma segunda unidade, de maior potência, a UTE GNA II, com 1.700 MW de capacidade instalada e ambos os projetos foram desenvolvidos pela GNA (Gás Natural Açu), uma joint venture formada pela Prumo Logística, BP e Siemens.

Leia também aqui no CPG ! Vagas para obras e empreendimentos no Porto do Açu !

Renato Oliveira

About Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki)