Scania, líder global em produção de caminhões pesados, ônibus e motores, convoca candidatos de ensino médio, técnico e superior para vagas de emprego em sua fábrica de São Paulo

Flavia Marinho
por
-
19-08-2021 08:44:15
em Indústria e Construção Civil
Scania - vagas - produção - etanol - preço -Ford -General Motors - GM - Yamaha - Volkswagen - Fiat - Chevrolet - Honda - Gol - Voyage - Fox - SP - fábrica - Audi - Renault - emprego - sao paulo - técnicos Fábrica Scania / Fonte: Reprodução – Via Google

Vagas de emprego para trabalhar nas fábricas da multinacional Scania. Veja a seguir como enviar o currículo e participar do processo seletivo

Construa a sua carreira na multinacional Scania — líder mundial em produção de caminhões pesados, ônibus e motores industriais e marítimos. A montadora está com vagas de emprego abertas, em sua fábrica de São Bernardo do Campo (SP), para candidatos de ensino médio técnico e superior. Veja a seguir os cargos e como cadastrar o currículo.

Leia também

Em 1957, a Scania tomou a decisão de inaugurar no Brasil a primeira planta fora da Suécia. A Scania Latin America está localizada em São Bernardo do Campo, com uma área de mais de 400mil m², e é a única planta fora da matriz a produzir o produto completo. Na unidade, mais de 4500 colaboradores atuam nas Fábricas de Cabinas, Chassis, Motores, Transmissão, além da área de Pesquisa & Desenvolvimento e áreas administrativas, produzindo e exportando veículos e componentes para toda a América Latina, África, Ásia e Oriente Médio.

Confira no vídeo abaixo como funciona a linha de produção da Scania!

Confira abaixo as vagas de emprego de ensino médio técnico e superior em SP

  • Analista de Comercio Exterior Exportação Jr
  • Analista de Operações Financeiras Pleno
  • ANALISTA DE SEGUROS PLENO
  • Auxiliar Manutencao Infraestrutura Elétrica
  • Auxiliar Serviços Alimentação
  • BANCO DE TALENTOS
  • COMPRADOR PLENO
  • Técnico Logística (Vinhedo)
  • Técnico Manutenção Mecatrônica
  • Técnico Manutenção Mecatrônica
  • Técnico Manutenção Mecatrônica (PLC Siemens)
  • VAGA TEMPORÁRIA – Analista de Planejamento de Materiais PL (VINHEDO)

Inscrição: os interessados em construir uma carreira na multinacional Scania — líder mundial em produção de caminhões pesados, ônibus e motores industriais e marítimos, devem cadastrar o currículo, diretamente no site da empresa neste link.

Scania substitui 40 empilhadeiras a baterias de chumbo-ácido por elétricas de íon-lítio, na unidade de São Paulo, em defesa à transição energética

Unidade de Vinhedo (SP) da multinacioal fabricante de veículos Scania, que é responsável pelo abastecimento de peças de reposição para a América Latina, otimiza operação e acaba de finalizar o processo de troca de 40 empilhadeiras a baterias de chumbo-ácido por 40 empilhadeiras elétricas de íon-lítio e funcionários ganham aumento de produtividade com segurança e mais ergonomia.

O projeto, que abrange a locação dos equipamentos de movimentação, instalação de carregadores e a implementação do sistema de telemetria, resulta da parceria com a Jungheinrich, uma das líderes globais em soluções de intralogística.

Etanol brasileiro atraiu a atenção da Volkswagen, que aspira transformar o Brasil em um centro de desenvolvimento de carros com motor de combustão interna

Etanol brasileiro na mira da Volkswagen! Na corrida mundial para a descarbonização do planeta, muitos países projetam utilizar carros elétricos em maior quantidade e a curto prazo, principalmente na Europa. No entanto, o Brasil pode reduzir suas emissões de forma muito rápida e barata, com o aumento da produção e do uso de etanol. Renato Romio, chefe da Divisão de Motores e Veículos do Instituto Mauá de Tecnologia (IMT), lembra que importantes montadoras do mercado nacional e internacional perceberam o potencial do etanol brasileiro para o controle dos gases poluentes.

“O interesse pelo nosso combustível atraiu a atenção, por exemplo, da Volkswagen, que aspira transformar o Brasil em um centro de desenvolvimento de carros com motor de combustão interna. A montadora acredita que o carro elétrico, no Brasil, não teria a mesma adesão e consumo como na Europa. Porque, além de caro, produzimos etanol, considerado um biocombustível que pode atender muito bem ao objetivo de diminuir a emissão de poluentes e CO2”, comenta Romio.

Tags:
Flavia Marinho
Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e Automação. Experiente na indústria de construção naval onshore e offshore. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal.
fwefwefwefwefwe