Potencial da energia solar pode contribuir para o desenvolvimento da Amazônia

Valdemar Medeiros
por
-
24-09-2020 11:05:35
em Energia Renovável
energia solar - Amazônia - amazonas Placas de energia solar em floresta da Amazônia




Um levantamento feito pela da Associação Brasileira de Energia Solar (Absolar) mostrou que, apesar da Amazônia possuir potencial para a geração de energia solar, essa fonte de energia renovável ainda não é explorada como poderia ser

Compreender os impulsionadores políticos e econômicos do planejamento da energia solar na Amazônia brasileira é fundamental, uma vez que a floresta está cada vez mais vulnerável à destruição e aumento da pobreza relacionado.

Leia também

Muitas regiões da Amazônia passam o período da noite no escuro total, isso porque a energia não chega até estes locais, muitos acabam optando pela única solução que possuem: os geradores à base de combustíveis que duram poucas horas. A partir desta dificuldade, uma ONG vem desenvolvendo um projeto para levar a energia solar à Amazônia.

Falta incentivo para implantar energia solar na Amazônia

Segundo o levantamento da Absolar, a Amazônia é um dos locais  que menos investe em energia no Brasil. Atualmente, o País produz  124,7 megawatts (mW), enquanto o Amazônia tem potência de apenas 0,055 mW, o que representa 0,04% da geração de energia distribuída em todo o País.

“A Amazônia ainda não desenvolveu o sistema, ficando muito abaixo do potencial que possui. Para termos uma ideia, o Brasil possui um dos melhores níveis de radiação solar na atmosfera. Então, esse recurso poderia ser melhor aproveitado”, destacou o presidente da Absolar, Rodrigo Sauaia. 

Ainda segundo ele, na região Norte, o Amazonas é o 5º em geração de energia renovável, ficando atrás dos estados de Rondônia, Tocantins, Pará e Amapá. Roraima é o único que ainda não possui nenhum sistema de geração de energia solar fotovoltaica.

Convênio do ICMS pode reduzir custos da tarifa na energia solar

Para o engenheiro eletricista Pedro Saragoussi, da empresa STP Green, outra questão que precisa ser discutida é a carga tributária incidente nas contas de energia.  

Como o Amazonas que é uma região próxima  não assinou o convênio da Aneel que isenta o ICMS para quem produz energia solar, os descontos nas faturas do clientes que possuem sistemas solares interligados à rede de distribuição são menores se comparados com outros estados.

“Isso significa, na prática, que sistemas fotovoltaicos conectados à rede elétrica no Estado possuem um retorno de investimento aproximadamente 20% menor se comparados a sistemas instalados nestes outros 21 estados e no Distrito Federal. É muito importante que a população amazonense  se mobilize e exerça pressão nos governantes para que tal isenção fiscal seja aprovada”, afirmou Pedro Saragoussi.

Sites Parceiros

Publicidade




Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.