Início No Ceará, o Porto do Pecém movimentou mais de 3 milhões de toneladas de mercadorias nos dois primeiros meses de 2021

No Ceará, o Porto do Pecém movimentou mais de 3 milhões de toneladas de mercadorias nos dois primeiros meses de 2021

10 de março de 2021 às 16:14
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Porto, Porto do Pecém, Ceará
Porto de Pecém/ Fonte: reprodução – Via Google

Localizado em São Gonçalo do Amarante no Ceará, o Porto do Pecém teve mais de 1,36 milhão de toneladas de cargas transportadas em janeiro

O transporte de cargas no Porto do Pecém aumentou 7% nos dois primeiros meses deste ano e atingiu um novo marco – o terminal movimentou mais de 3 milhões de toneladas de carga em 2021. Segundo dados do Complexo do Pecém, o movimento aumentou 21,7% de janeiro para fevereiro. O volume de cargas transportadas no porto, localizado no Ceará, passou de 1,36 milhão de toneladas em janeiro e em fevereiro foi de 1,66 milhão.

Aumento da movimentação no Porto do Pecém

O tráfego observado no terminal do Ceará neste ano também é ligeiramente superior à média mensal de 2019 (o ano que mais movimentou na história do Porto de Pecém). No primeiro bimestre de 2021, a produção média foi de 1,54 milhão de toneladas.

Confira as movimentação de mercadorias no 1º bimestre dos últimos quatro anos:

  • 2021 – 3.093.868 toneladas;
  • 2020 – 2.879.626 toneladas;
  • 2019 – 2.584.235 toneladas;
  • 2018 – 2.564.097 toneladas.

Cabotagem no Porto do Ceará

Nesse período, mais da metade da carga foi transportada ao longo da costa, com 1,69 milhão de toneladas no primeiro bimestre de 2021, um aumento de 27% em relação ao ano passado. No transporte de cabotagem, o minério de ferro, chapas de aço, grãos e sal se destacam entre as cargas transportadas.

Os principais desembarques de cabotagem: minérios (722.678 t), ferro fundido (76.269 t), cereais (59.643 t) e plásticos (25.371 t).  Já os principais embarques de cabotagem realizados no Porto do Pecém no Ceará foram: ferro fundido (269.846 t), sal (72.001 t), produtos da indústria de moagem (27.803 t), alumínio (21.217 t), plásticos (16.706 t) e cereais (11.830 t).

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
YouTube YouTube
Instagram Instagram
Telegram Telegram
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes