Mais de 300 vagas de emprego garantidas na Bahia no ramo de energia eólica

Flavia Marinho
por
-
05-02-2021 16:00:51
em Indústria e Construção Civil
Nordex - eólicas - Bahia - emprego - vagas

350 vagas de emprego serão abertas em nova fábrica da multinacional Nordex na Bahia para construir 91 turbinas eólicas para a Statkraft

Para atender o ramo de energia eólica na Bahia, cerca de 350 novas vagas de emprego serão abertas! Em entrevista ao site Petronotícias e publicada na quinta-feira (4), a multinacional alemã Nordex vai expandir sua fábrica no Brasil para atender contrato bilionário com a Statkraft. A Nordex irá fornecer 91 turbinas eólicas de seu novo modelo N163/5.X, cada uma com 5,7 MW de potência, que serão instaladas no parque Ventos de Santa Eugênia – BA. Procurando emprego

ANÚNCIO

Leia também

De acordo com a empresa alemã, uma nova fábrica será construída em Uibaí (BA) para produzir as torres de concreto do parque eólico, que no pico da obra, vai empregar até 350 pessoas. Já os aerogeradores serão desenvolvidos na fábrica da empresa em Simões Filho (BA).

“Temos a cultura de instalar uma fábrica próxima aos projetos em que participamos, com o objetivo de reduzir custos logísticos. Essa nova unidade de torres de concreto, no pico da obra, vai empregar até 350 pessoas. Iremos privilegiar a mão de obra local, assim como já fizemos em outras duas unidades do tipo no Brasil”, disse o diretor de vendas do Grupo Nordex no Brasil, David Lobo.

Sobre o contrato com a Statkraft

No final de 2020, a Statkraft Energias Renováveis, subsidiária brasileira da maior produtora de energia renovável da Europa, a norueguesa Statkraft, fez um pedido ao Grupo Nordex, em grande escala envolvendo 91 aerogeradores do modelo N163/5.X, de 5,7 MW de potência cada, para um projeto de energia eólica de 518,7 MW no Brasil

A execução do projeto do parque de energia eólica “Ventos de Santa Eugenia” que será construído próximo a Uibaí, no estado da Bahia, com a Statkraft começa a partir do segundo semestre de 2021, contemplando ainda a produção dos aerogeradores na fábrica da Nordex em Simões Filho.

O comissionamento está previsto para o início de 2023. As turbinas serão fornecidas em modo otimizado de operação de 5,7 MW e serão instaladas em torres de concreto de 120 metros.

Contrato de 20 anos

O pedido de energia eólica da Statkraft também inclui um contrato de serviço premium cobrindo três anos, bem como um contrato de suporte técnico para o cliente e turbinas por um período de 20 anos.

“Estamos muito satisfeitos que a Statkraft tenha optado por nossa tecnologia de turbinas e agradecemos a confiança depositada em nós para equipar seu maior parque eólico sul-americano. Com esta turbina da série Delta4000, projetada especialmente para locais com ventos moderados e médios, a Statkraft poderá produzir energia eólica limpa com baixo custo de energia e fornecer a eletricidade necessária ao mercado brasileiro ”, afirma Patxi Landa. Nordex Group CSO.

Investimentos da Nordex no Brasil

O foco da alemã no Brasil é total. Seu plano de negócios para os próximos anos, uma vez que o Brasil corresponde sozinho por 13% das vendas da companhia, sendo um destaque relevante.

“O mercado mudou bastante nos últimos por conta do Mercado Livre. Antigamente, ficávamos muito vinculados aos leilões. O Mercado Livre veio e cada vez mais está crescendo. Vejo uma demanda grande por novas máquinas nos próximos três ou quatro anos. A fonte eólica já está no nosso DNA, com alguns desafios com a solar e o gás natural. Mas a eólica tem performado bem. Então, acho que será um negócio duradouro nesse horizonte dos próximos anos. Haverá bastante demanda”, conclui o diretor de vendas do Grupo Nordex no Brasil.

Leia a entrevista da integra no site Petronotícias aqui.


⇒ Participe dos nossos grupos do Telegram e fique atento a todas as notícias do mercado de energia, empregos, projetos e outros assuntos microeconômicos do Brasil. Nossas informações sempre são direto das fontes e atualizadas. Acesse o Nosso Telegram aqui.

Tags:
Flavia Marinho
Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e Automação. Experiente na indústria de construção naval onshore e offshore. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal.