Multinacional Audi confirma que vai parar de desenvolver e fabricar motores a combustão, a gasolina e a diesel para focar nos carros elétricos a partir de 2026

Multinacional - Audi - motores a combustão - diesel - gasolina - carros elétricos Fábrica da Audi no Paraná — Foto: Divulgação

Em um comunicado oficial, anunciado nesta terça-feira (22), a multinacional Audi confirmou que lançará seus últimos carros com motores a combustão, a diesel e gasolina em 2026.

Com o objetivo de gerar sustentabilidade, a multinacional Audi anuncia que pretende parar de fabricar motores a combustão, gasolina e diesel e m 2026 e nesse ano de 2021 os consumidores já poderão sentir uma presença maior de carros elétricos da montadora circulando.

Leia também

O fim dos motores a combustão da multinacional Audi

Segundo o que foi antecipado na semana passada, a multinacional passará a lançar apenas carros elétricos daqui a cinco anos. A antecipação foi feita pelo CEO da Audi, Markus Duesmann, durante a conferência da Climate Neutrality Foundation, na Europa.

A parada com os motores a combustão, diesel e gasolina faz parte de um realinhamento estratégico, que prevê que a multinacional acelere sua mudança para os carros elétricos.

Já havia outro cronograma, mas o fabricante encurtou os prazos para encerrar completamente a produção de motores a combustão no máximo em 2033. Sendo assim, em 2050, a Audi deve conseguir o título de zero emissões de carbono em todos os seus processos.

CEO da Audi se pronuncia sobre à transição para os carros elétricos

Segundo Duesmann, através de sua força inovadora, a multinacional Audi oferece para as pessoas uma mobilidade que é sustentável e neutra para as alterações climáticas.

Porém, na China, apesar de ser um país que está à frente em carros elétricos, em comparação com o mercado de outros países, as vendas de carros com motores a combustão, diesel e gasolina pode prosseguir por algum tempo depois do prazo estipulado de 2033, devido à algumas questões de demanda interna. Enquanto isso, a multinacional anuncia que pretende continuar ampliando sua linha de carros elétricos e esquecendo aos poucos motores a combustão, diesel e gasolina.

A Audi lançou recentemente os modelos RS e-tron GT, Q4 Sportback e-tron, e-tron GT e o Q4 e-tron. Sendo assim, este ano serão mais carros elétricos do que modelos com motores a combustão. Duesmann afirma que com esta meta, a multinacional está criando as condições necessárias para uma transição poderosa e determinada para a mobilidade elétrica.

A expansão da Audi

Esse crescimento no setor de elétricos exigirá uma grande expansão da infraestrutura de carregamento e no fornecimento de energia limpa. A multinacional afirma que está envolvida diretamente com esses projetos, tanto na parte de recarga dos carros elétricos, como em soluções de energia limpa através de parcerias.

Se tratando de eletrificação, o Brasil está bem alinhado ao cronograma da Audi, com os modelos Audi e-tron, e-tron S Sportback, e-tron Sportback e o RS e-tron GT já circulando no país.  

Tags:
Valdemar Medeiros
Formado em Segurança do trabalho, especialista em marketing de conteúdo em conjunto de ações de SEO e Universitário de Publicidade e Propaganda.