Maior docagem já realizada pela Wilson Sons Estaleiros

Wilson Sons Estaleiros
 

Grande expectativa para realizar esta operação, nunca antes efetuada na Wilson Sons Estaleiro

Especialista na construção de embarcações de apoio offshore (OSV) a Wilson Sons Estaleiros (WS) tem como tradição a construção e manutenção de rebocadores portuários, contando com duas unidades localizadas estrategicamente no Estado de São Paulo, na cidade de Guarujá.A WS iniciou a docagem do maior navio já recebido em suas instalações, ele tem 99,66 de comprimento e 18,0 metros de largura.

Atuante em Santos (SP) desde 2011, como navio fornecedor de combustíveis e estando alugado para a Transpetro, tendo como previsão duração de 10 a 15 dias de operação. Um dos grandes desafios desta ação, é exatamente o curto período e as grandes dimensões da embarcação, são observações do executivo da Wilson Sons Estaleiros.

Ele afirma também, que o estaleiro é capaz de realizar as atividades que serão executadas juntamente com a docagem de outro navio, o Smit Pareci. Com essas duas docagem, pode se totalizar cerca de 20 operações do tipo neste ano e tendo mais três agendadas até o final de 2018.

Há ainda na carteira da Wilson Sons Estaleiro, a entrega de um rebocador e a construção de mais outros dois, sendo um para a Wilson Sons Rebocadores e um para a SAAM SMIT. Fora as três docagens programadas até o final do ano, a empresa possui 12 operações do mesmo tipo já confirmadas para o ano de 2019, somando ainda a mudança de um PSV para SDSV para a Wilson Sons Ultratug Offshore.

Santa Catarina redireciona o foco da produção e retoma contratação para o setor de construção naval

The following two tabs change content below.
Sheila Soares

Sheila Soares

Formada em Técnico de Logística, com experiência em operações logísticas, técnica de materiais e com amplo conhecimento no mercado petrolífero, industrial e engenharia.