Kalashnikov, fabricante do fuzil AK-47, entra no mercado de carros elétricos para competir com a Tesla

Valdemar Medeiros
por
-
23-11-2021 09:20:29
em Automotivo, Veículos Elétricos
Kalashnikov - carros elétricos - Tesla - AK - 47 - rifle de assalto AK 47 Modelo de dois lugares ainda não tem nome, ao contrário do UV-4 (Carscoops/Reprodução)

A fabricante de rifles AK-47, Kalashnikov, agora está de olhos no ramo de carros elétricos e promete rivalizar diretamente com a líder de mercado Tesla

A empresa russa Kalashnikov é mais conhecida por seus rifles de modelo AK-47 e equipamentos militares, mas também está envolvida no setor automotivo, desenvolvendo seus próprios carros elétricos. O veículo elétrico de quatro portas Kalashnikov Izh UV-4 fez sua primeira aparição em 2018 na forma de protótipo, mas um conjunto de imagens de patentes que surgiram recentemente sugerem uma possível nova versão de produção, ao lado de uma versão mais compacta de duas portas com três rodas, confirmando sua estreia no ramo de elétricos para rivalizar com a Tesla.

Leia também

Fabricante de AK-47, Kalashnikov tenta entrar no ramo de carros elétricos desde 2018

A história da Kalashnikov com carros elétricos começou em 2018 quando a empresa apresentou o conceito retro-estilo Electric CV-1, enquanto um porta-voz declarou seu interesse em competir com a Tesla. O protótipo elétrico Izh UV-4 surgiu mais tarde no mesmo ano, com uma variante de táxi estreando em um evento de 2019 em Moscou.

As últimas imagens que apareceram no escritório de patentes da Rússia revelam que o UV-4 não mudou muito, mantendo a forma estranha que o faz parecer um Renault Twizy superdimensionado , as rodas expostas e as portas de estilo militar. 

O veículo tem uma pequena pegada medindo 3,4 m de comprimento, 1,5 m de largura e 1,7 m de altura. O equipamento deve ser básico, mas ainda incluirá ar-condicionado, aquecimento, painel de instrumentos digital, tela de infoentretenimento e suspensão ajustável.

Novo veículo da fabricante russa promete ter painéis solares e autonomia de dar inveja

Relatórios anteriores da empresa sugeriram uma potência de até 67 hp (50 kW / 68 PS) permitindo uma velocidade máxima de 80 km / h (50 mph) graças ao baixo peso de 650 kg (1.433 libras). Kalashnikov não revelou números para a bateria, mas em 2019, eles afirmaram que era suficiente para um alcance de 150 km (93 milhas). 

Outra vantagem é o “baixo risco de incêndio e explosão em caso de acidente”, que foi mencionado no comunicado de imprensa oficial para a variante táxi. Passando para o próximo veículo, ainda sem nome, ele apresenta um estilo semelhante ao UV-4, mas com uma carroceria e distância entre eixos significativamente mais curtas e, o mais importante, apresentando uma roda a menos no eixo traseiro. 

O elétrico de três rodas parece estar compartilhando a frente com seu irmão de quatro rodas, mas tem um formato mais arredondado e sem portas, deixando a cabine exposta. No interior, há espaço para dois passageiros e alguma bagagem. Ele também está compartilhando o mesmo layout de painel com o UV-4, mas este também vem com um teto solar.

Modelo UV-4 é a promessa da fabricante para rivalizar com seus concorrentes

Kalashnikov não forneceu um cronograma sobre o lançamento de seus veículos elétricos no mercado, mas como vimos protótipos em tamanho real nos últimos três anos, não ficaríamos surpresos se um anúncio oficial surgisse nos próximos meses.    

É relatado que Kalashnikov UV-4 provavelmente será o esteio dos russos no mundo dos veículos elétricos que atualmente é dominado pela Tesla dos EUA, marcas europeias como Mercedes, Volkswagen e Renault, Hyundai da Coreia do Sul e vários jogadores chineses locais. Não está claro quando o UV-4 entrará no ciclo de produção, se é que entrará, mas Kalashnikov apontou e pode estar pronto para disparar.  

Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.
fwefwefwefwefwe