JBS pela Amazônia aprova 6 primeiros projetos que receberão investimento de R$ 50 milhões

Roberta Souza
por
-
10-06-2021 16:56:10
em Economia, Negócios e Política
JBS – Amazônia – projetos Floresta e logo da JBS/ Fonte: BeefPoint

O Fundo JBS pela Amazônia, que tem como objetivo ter projetos de conservação e preservação da floresta, receberá aportes de R$ 250 milhões em 5 anos

Na semana do Dia Mundial do Meio Ambiente, o Fundo JBS pela Amazônia anunciou os primeiros projetos escolhidos para receber investimentos para a promoção de ações de conservação e preservação da floresta, melhoria da qualidade de vida das comunidades locais e desenvolvimento científico e tecnológico da região. Serão seis iniciativas que, em conjunto, receberão R$ 50 milhões do Fundo, constituído pela JBS em setembro do ano passado, com o aporte de R$ 250 milhões em cinco anos. Veja ainda: JBS realizará investimento de R$ 1,8 bilhão em nova fábrica e 2,6 MIL empregos podem ser gerados na unidade no Paraná

Os projetos da JBS pela Amazônia

O Fundo da JBS pela Amazônia tem o objetivo de impulsionar a promoção de ações de conservação e preservação da floresta e o desenvolvimento sustentável da região. A organização analisou mais de 50 ideias de projetos dentre as propostas recebidas pelo site ou prospectadas pela equipe.

Nove iniciativas foram convidadas a fazer pré-projetos, que foram analisados pelo Comitê Técnico da JBS, formado por 11 integrantes indicados por institutos de pesquisa e organizações do terceiro setor. São profissionais de destaque na área ambiental e de desenvolvimento sustentável, com grande experiência sobre a realidade amazônica e que já realizaram trabalhos de impactos relevantes na região da Amazônia.

O propósito dos aportes a serem realizados na Amazônia

Segundo Joanita Maestri Karoleski, presidente do Fundo JBS pela Amazônia, os projetos que irão receber os investimentos da JBS irão desenvolver a bioeconomia da floresta, ajudando a agregar valor aos produtos naturais, e contribuindo, também, com a preservação do meio ambiente e o desenvolvimento socioeconômico.

Já Andrea Azevedo, diretora de programas e projetos do Fundo, disse que um dos focos dos projetos foi apoiar aqueles que valorizem quem está na sua base das cadeias da floresta, como os extrativistas, indígenas e outras comunidades tradicionais que gerenciam os negócios comunitários.

Os seis projetos apoiados no Fundo JBS pela Amazônia

As seis primeiras iniciativas escolhidas pelo Fundo JBS pela Amazônia trabalharão uma ampla gama de atividades no bioma. A implantação de sistemas agroflorestais, que transformam locais de cultivo e pecuária em áreas absorvem carbono, irá ocorrer por meio da adoção de práticas agrícolas regenerativas.

As cadeias do pirarucu e do açaí serão fortalecidas por investimentos em certificação da produção, agregação de valor no processamento e capacitação em gestão dos negócios comunitários. Conheça os nomes dos projetos aprovados pelo Fundo JBS pela Amazônia: RestaurAmazônia; Programa Economias Comunitárias Inclusivas, nas Comunidades de Bailique e Beira Amazonas, no Amapá; Projeto Pesca Justa e Sustentável; AMAZ (Aceleradora & Investimentos de Impacto); Alavancagem de crédito para as cadeias da floresta; Parceria Técnica com a Embrapa.

Sobre o Fundo JBS pela Amazônia: O Fundo JBS pela Amazônia é uma associação dedicada a fomentar e financiar iniciativas e projetos que visam ao desenvolvimento sustentável do Bioma Amazônico. A instituição é aberta a contribuições e parcerias de associações da iniciativa privada, terceiro setor. A JBS se compromete a igualar a contribuição feita a cada doação até atingir R$ 500 milhões e a meta da companhia é levar os recursos do Fundo a R$ 1 bilhão até 2030.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos