Inmetro pretende implantar o 1º laboratório para testar baterias de carros elétricos no Brasil

Valdemar Medeiros
por
-
01-09-2021 10:19:40
em Logística e Transporte
Inmetro - baterias - carros elétricos - laboratório O Inmetro pretende implantar o seu 1º laboratório para testar bateria de carros elétricos. Ele será em seu parque tecnológico de Duque de Caxias-RJ (Foto: Michael Fourset/Unsplash.com)

Para impulsionar ainda mais o setor automotivo, o Inmetro pretende construir, ao lado de duas parceiras, o primeiro laboratório para teste de baterias de carros elétricos no Brasil

O Inmetro pretende implantar seu primeiro laboratório para testar baterias de veículos elétricos, fazendo com que o Brasil dê um grande passo no setor de carros elétricos. A entidade assinou, nesta terça-feira (31), um memorando de entendimento do projeto. O anúncio do laboratório foi realizado pelo próprio órgão em comunicado à imprensa, onde também afirmava que o protocolo será assinado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS) e pelo organismo de certificação de produtos sul-coreana PCN, na sede do Inmetro, em Brasília.

Leia também

Laboratório do Inmetro começará suas operações em 2023

Cada um dos assinantes terá sua devida função no laboratório de testes de baterias para carros elétricos. Para a instituição de ensino superior, através do complexo de Laboratórios Especializados em Eletroeletrônica, Calibração e Ensaios (LABELO), foi dada a missão de gerenciar o fundo arrecadado e também de construir o laboratório e comprar os devidos equipamentos.

Já à empresa da Ásia, coube a função de ajudar e fazer ligação com potenciais investidores. Enquanto isso, o Inmetro doará o espaço de Campus de Inovação e Metodologia para a construção do laboratório. O órgão se juntará aos outros 57 laboratórios de alta tecnologia que fazem parte do parque de tecnologia de Duque de Caxias (RJ). O laboratório de testes das baterias de carros elétricos está previsto para entrar em operação em 2023.

Presidente do Inmetro se pronuncia sobre laboratório para testes de baterias

De acordo com Marcos Heleno Guerson, presidente do Inmetro, algumas projeções indicam que, até 2035, mais de 60% da frota brasileira será de carros elétricos ou híbridos. Sendo assim, surge a importância de fortalecer a infraestrutura da qualidade das baterias do país nesse setor.

O executivo afirma que o Inmetro tem a capacidade técnica para contribuir para o desenvolvimento de requisitos de segurança, pois a alta temperatura e risco de incêndio são dificuldades a serem enfrentadas com as baterias, além de melhorar técnicas já experimentadas de qualidade e autonomia.

Este é apenas o primeiro passo da parceria entre os setores público e privado. Faltará ainda a assinatura do contrato legal (com as bases finais), que deve ser realizado em dezembro deste ano.

Investimentos para reduzir as emissões chegam a R$ 150 bilhões

O laboratório de testes de baterias para carros elétricos pode ser um passo para o futuro da mobilidade urbana. Diversos países já trabalham para reduzir as emissões no trânsito.

Sem falar que a construção do laboratório pode ser de suma importância para o avanço no setor de carros elétricos, isso porque, de acordo com a entidade, o país será pioneiro na América Latina no estabelecimento dos requisitos para este tipo de produto, podendo ser um grande exportador de tecnologias e conhecimento aos outros países.

No começo do mês, a Anfavea divulgou alguns desafios para a eletrificação. De acordo com a entidade, investimentos da ordem de R$ 150 bilhões teriam que ser realizados para reduzir as emissões.

Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.
fwefwefwefwefwe