Há 160 vagas em cursos gratuitos para jovens a partir do ensino médio no Amazonas e São Paulo

Keila Andrade
por
-
29-06-2021 12:46:39
em Cursos
Os cursos oferecidos pela Formare são gratuitos e para jovens de baixa renda Foto: divulgação

Projeto social busca a inclusão de jovens que terminaram o ensino médio e querem se inserir no mercado de trabalho    

Estão abertas as inscrições para os cursos profissionalizantes oferecidos pelo Instituto 3M em uma parceria com a Formare. São 160 vagas distribuídas para quatro municípios onde a empresa tem operações: Sumaré, Itapetininga, Ribeirão Preto(SP) e Manaus(AM). 

Veja mais notícias relacionadas

O projeto é uma parceria entre a 3M e o Formare, programa de qualificação profissional para jovens de baixa renda, pertencente a Fundação Iochpe. 

Já são 10 anos de parceria entre a empresa americana e a Formare. Dentro desse período através de parceria já foram formados 450 jovens, desses, 163 foram contratados pela própria 3M, sendo que em 2018, a empresa contratou 84% dos alunos; e nesses dois últimos anos mais da metade dos alunos sairam do curso empregados por ela. 

Segundo um levantamento realizado pelo IBGE(Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em 2018, apontou que cerca 11 milhões de jovens entre 15 e 29 anos vivem ociosos no Brasil. Número que mostra a importância da realização de projetos como o desenvolvido pela Formare. 

Perfil dos jovens para se inscrever nos cursos

O programa visa ajudar jovens de baixa renda. Para participar, o aluno precisa se enquadrar na exigência colocadas pelos organizadores; confira abaixo: 

  • O candidato precisa ter um renda familiar de até um salário mínimo por integrante da família; 
  • Estar cursando o 3º ano do ensino médio ou ter concluído em 2020 na rede pública. O jovem ainda não poderá estar matriculado no ensino superior e nem em um outro curso profissionalizante; 
  • Ele ainda não poderá ter um parente de 1º grau como colaborador da 3M; 
  • Deve ter interesse em atuar na produção industrial; 
  • Não poder ter nenhum tipo de formação profissionalizante; 
  • Os candidatos residentes dos municípios de Itapetininga, Ribeirão Preto e Manaus devem ter nascido entre 01/06/2003 a 31/03/2004; 
  • Os moradores de Sumaré precisam ter nascido de 01/06/2003 a 01/06/2004. 

Após a realização da inscrição, os candidatos serão sujeitos a uma avaliação realizada de forma on-line. As Inscrições já estão abertas e vão até o dia 26 de julho. Para se inscrever, basta acessar o site de cadastro aqui ou clicar na imagem abaixo:

Os cursos oferecidos pela Formare são gratuitos e para jovens de baixa renda Foto: divulgação

A importância das vagas para os jovens

Outra pesquisa também realizada pelo IBGE, em 2020, apontou que no estado de São Paulo o número de desempregado chegou a 3,5 milhões de pessoas. Além de poder contribuir para a diminuição desse número, os cursos darão novas oportunidades a esses jovens. Já sobre o estado do Amazonas, o órgão apontou que apenas 50,3% da população amazonense possui acesso à boa recolocação ao mercado de trabalho.

Diante desses dados, as vagas disponíveis para os alunos do ensino médio, e para os que já terminaram essa fase contribuirá para melhores oportunidades de geração de renda.

Sobre o Formare   

o Programa Formare é referência no Brasil como iniciativa social que proporciona formação profissional a jovens em situação de vulnerabilidade. Mantido pela Fundação Iochpe em parceria com empresas de médio e grande portes, oferece cursos de formação inicial para o mercado de trabalho a jovens de famílias de baixa renda, residentes no entorno das empresas. Em mais de 30 anos, por meio do trabalho de educadores voluntários, o programa já formou 23 mil jovens, dos quais 80% inseridos no mercado de trabalho. Os cursos são certificados pela UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná).  

Números Formare  

Unidades: 68 | Empresas parceiras: 47 | Jovens impactados em 2020: 1053 | Educadores voluntários atuando: 2.500 | Cobertura nacional: 48 municípios em 12 Estados do Brasil | Duas unidades no México.  

Tags:
Keila Andrade
Jornalista há 20 anos, especialista em produção e planejamento de conteúdos online e offline para estruturas do marketing digital