Estudo do CTC/PUC-Rio consegue produzir biogás usando apenas cascas de tangerina

PUC - biogás - tangerina - cascas - RIO Centro Técnico Científico da PUC-Rio (CTC/PUC-Rio) – créditos: www.ctc.puc-rio.br

Mimosa, bergamota ou tangerina? Esses são os vários nomes da tangerina no Brasil, que foi citada em uma dissertação do CTC/PUC-Rio que afirma que suas cascas tem potencial para gerar biogás

O Mestrado Profissional em Engenharia Urbana e Ambiental do Centro Técnico Científico da PUC-Rio revelou, em uma dissertação, que as cascas de tangerina, que são jogadas no lixo, podem ser transformadas em biogás e podem substituir o uso de combustíveis fósseis como fontes de energia.

Leia também

Entenda melhor a dissertação do engenheiro Rafael Vieira de Carvalho – CTC/PUC-Rio

As tangerinas são o segundo maior grupo de cítricas produzidas no país, ficando atrás apenas da laranja, ou seja, é uma fruta muito presente no dia a dia dos brasileiros e, agora, com um potencial muito grande de reaproveitamento.

O autor da dissertação da CTC/PUC-Rio, o engenheiro Rafael Vieira de Carvalho, afirma que se os resíduos orgânicos forem tratados de forma correta, são capazes de gerar energia sustentável e adubo e podem movimentar a economia, reduzindo os impactos e sendo fortes aliados na busca de um futuro mais limpo.

O biogás é um gás composto principalmente por metano e CO2, e pode ser encontrado através de um ensaio conhecido como BMP (Biochemical Methane Potencial), em que as cascas e resíduos orgânicos da tangerina são triturados, misturados e armazenados em dispositivos que medem a variação do volume de biogás por cerca de 21 dias.

O estudo “Tratamento de Resíduos Sólidos Orgânicos: análise do potencial de geração de biogás proveniente da digestão anaeróbia da casca de tangerina” trouxe uma reavaliação no processo de produção de sucos a partir de frutas, realizando uma revisão dos tipos de fruta que já tiveram um potencial para a fabricação de biogás como banana, uva, abacaxi, lichia, maracujá, pitaia, laranja, maçã, manga, melão, cereja e abacate.

A importância dos produtores de suco no reaproveitamento da tangerina

De acordo com Rafael, é essencial que os pequenos e grandes fabricantes de sucos fiquem cientes do ciclo de vida dos produtos que utilizam, com a possibilidade de serem reaproveitados para a fabricação de biogás. Ele afirma que se deve repensar o consumo além da mera utilização do produto.

O incentivo na pesquisa do CTC/PUC-Rio foi buscar uma solução que possa trazer para o Brasil um desenvolvimento sustentável, apresentando um novo insumo que pode gerar energia limpa.

O coordenador do Mestrado Profissional em Engenharia Urbana e Ambiental, Prof. Celso Romanel, afirma que o biogás é um produto valioso, que pode combater diretamente o aumento de emissões de poluentes, tendo em vista que pode ser utilizado como energia elétrica, térmica ou combustível.

Novas descobertas em frutas

No Instituto Federal do Ceará (IFCE), no Campus de Iguatu, pesquisadores estudaram a reutilização de algumas substâncias presentes na casca de banana. A substância é a lignina, que normalmente é descartada da banana e que, segundo os pesquisadores, pode ser aplicada na indústria farmacêutica, alimentícia e também no setor de embalagem de produtos, que atualmente utiliza derivados de petróleo.

De acordo o Francisco Avelino, professor da unidade do Ceará, a pesquisa começou em agosto de 2019 e foi um projeto iniciado com um aluno do curso de Química, mas que por conta do agravamento da pandemia, ficou atrasado e durou um pouco mais para ser desenvolvida.  

Tags:
Valdemar Medeiros
Formado em Segurança do trabalho, especialista em marketing de conteúdo em conjunto de ações de SEO e Universitário de Publicidade e Propaganda.