EnP arremata campos de petróleo onshore no Espírito Santo

Flavia Marinho
por
-
11-11-2020 13:46:54
em Petróleo, Óleo e Gás
Espírito Santo , EnP arremata campos de petróleo onshore EnP arremata campos de petróleo onshore no Espírito Santo

Os campos de petróleo onshore no Espírito Santo adquiridos pela EnP, pertencem aos blocos exploratórios ES-T-354, 373, 441, 477 e 487.

EnP confirma sua entrada no mercado de upstream brasileiro nesta quarta-feira (11/11). A petroleira arrematou participação (50%) da Petro-Victory Energy nos campos de petróleo do Polo de Lagoa Parda, no Espírito Santo – recentemente desinvestido pela Petrobras. Procurando emprego? Cadastro de currículo em todas as funções para contratos Petrobras offshore na UO-Rio em Macaé e para trabalhar na refinaria REFAP, neste dia 11

Leia também

Os campos de petróleo onshore adquiridos pela EnP pertencem aos blocos exploratórios ES-T-354, 373, 441, 477 e 487 e foram adquiridos na 14ª rodada do leilão da ANP.

Polo Lagoa Parda

Imetame comprou no mês passado a participação da Petrobras no Polo Lagoa Parda, agora, para aumentar a produção para 700 barris/dia de óleo, as petroleiras EnP e Imetame vão trabalhar em conjunto na reativação de 29 poços do campo.

O Polo Lagoa Parda, no Espírito Santo, compreende três concessões onshore em produção: Lagoa Parda, Lagoa Parda Norte e Lagoa Piabanha. De janeiro a agosto deste ano, a produção média dos campos onshore foram de aproximadamente 113,5 barris de óleo por dia (bpd) e 1,7 mil m3/dia de gás natural.

Junto com os campos foi adquirida a Unidade de Processamento de Gás Natural (UPGN) Lagoa Parda, com capacidade de 1,25 milhão de m3/dia, e uma Estação de Tratamento de Líquidos com capacidade de 25 mil barris diários. As empresas pretendem reativar a UPGN e abrir o acesso para terceiros.

“Vamos trabalhar para colocar a UPGN em operação novamente o mais rápido possível. É importante para o Espírito Santo, para o Novo Mercado de Gás, e para o onshore brasileiro”, comentou o CEO da EnP, Márcio Félix.

EnP no Espírito Santo

  • Aquisição de 50% de participação nos campos de Lagoa Parda, Lagoa Parda Norte e Lagoa Piabanha
  • Aquisição de 50% de participação nos blocos exploratórios ES-T-354, 373, 441, 477 e 487
  • Reativação de 29 poços no Polo Lagoa Parda
  • Reativação da Unidade de Processamento de Gás Natural (UPGN) Lagoa Parda, com capacidade de 1,25 milhão de m3/dia
  • Campanha de perfuração do prospecto Sintonia, localizado no bloco ES-T-441, ainda em 2020
  • Três novos poços exploratórios para 2021

Tags:
Flavia Marinho
Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e Automação. Experiente na indústria de construção naval onshore e offshore. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal.